PUBLICIDADE
Topo

Pole Position

Verstappen lidera treino em Abu Dhabi, Hamilton volta e Schumacher estreia

Max Verstappen, da Red Bull, durante treinos livres do GP de Abu Dhabi - Rudy Carezzevoli/Getty Images
Max Verstappen, da Red Bull, durante treinos livres do GP de Abu Dhabi Imagem: Rudy Carezzevoli/Getty Images
Julianne Cerasoli

Fã de Fórmula 1 desde a infância, Julianne Cerasoli nasceu em Bragança Paulista (SP) e hoje vive em Londres (Inglaterra). Atua como jornalista desde 2004, tendo trabalhado com diversos tipos de mídia ao longo dos anos, sempre como repórter esportiva e com passagem como editora de esportes do jornal Correio Popular, em Campinas (SP). Cobrindo corridas in loco na Fórmula 1 desde 2011, começou pelo site especializado TotalRace e passou a colaborar para o UOL Esporte em 2015, e para sites e revistas internacionais. No rádio, é a repórter de Fórmula 1 da Sistema Bandeirantes de Rádio desde 2017, e também faz participações regulares no canal Boteco F1, o maior dedicado à categoria no YouTube. Em 2019, Julianne criou o projeto No Paddock da F1 com a Ju, na plataforma Catarse, em que busca aproximar os fãs da Fórmula 1 por meio de conteúdo on demand e podcast exclusivo com personagens da categoria. Neste espaço: Única cobertura in loco de toda a temporada da Fórmula 1 na mídia brasileira, com informações de bastidores, entrevistas exclusivas, análises técnicas e uma pitada de viagens.

Colunista do UOL

11/12/2020 07h29

Max Verstappen, da Red Bull, liderou a primeira sessão de treinos livres para a etapa que encerra a temporada da Fórmula 1, em Abu Dhabi. O holandês fez o tempo de 1min37s378, e foi seguido de perto por Valtteri Bottas, da Mercedes, que ficou a apenas 34 milésimos do líder. Menos de uma semana depois de conquistar seu primeiro pódio na F1, no GP de Sakhir, no último domingo, Esteban Ocon foi o terceiro com a Renault.

O treino livre marcou a estreia de Mick Schumacher, filho e Michael e atual campeão da Fórmula 2, em uma sessão oficial da F1. Mick andou pela Haas, time que vai defender na próxima temporada, e terminou na 18ª posição. O alemão, inclusive, formou dupla com Pietro Fittipaldi, que segue substituindo Romain Grosjean, e foi o 19º.

O brasileiro estava focando no teste de atualizações da equipe já pensando no ano que vem, até porque mesmo a preparação para a corrida ou classificação fica prejudicada neste primeiro treino, que acontece sob temperaturas muito altas para ser significativo para a o restante do fim de semana. O regulamento de 2021 prevê a utilização de um assoalho que tira em cerca de 10% a pressão aerodinâmica do carro.

Para o restante do final de semana, o titular Kevin Magnussen volta para o lugar de Schumacher. O dinamarquês já sabe que será punido também por troca de elementos da unidade de potência e largará no fim do pelotão, assim como o vencedor da corrida da semana passada, Sergio Perez, da Racing Point.

Lewis Hamilton voltou depois de 11 dias afastado por ter contraído coronavírus. A recuperação rápida do piloto, que disse ter sofrido com a doença nos primeiros dias, surpreendeu, mas a Mercedes e a Federação Internacional de Automobilismo afirmaram que o piloto apresentou testes negativos tanto para sair do Bahrein, onde estava em isolamento, quanto ao chegar em Abu Dhabi.

Na última corrida do ano, a sessão foi marcada por uma sequência de problemas técnicos, aparentemente sem relação um com o outro: primeiro foi Lewis Hamilton, que reclamou dos freios, que pareciam travar sem aviso. Na sequência, Daniel Ricciardo veio lento e teve que parar sua Renault no meio da pista, e Daniil Kvyat recebeu uma mensagem dizendo que havia um problema em sua AlphaTauri. Mas o russo logo foi instruído a voltar a treinar normalmente.

O problema no carro de Hamilton pareceu mais sério, com um exército de mecânicos trabalhando no carro por mais de meia hora. Ele terminou o treino em quinto lugar, mas apenas usou os pneus mais duros, bem mais lentos que os macios usados pelos quatro primeiros colocados. Foi o mesmo caso de Charles Leclerc, fora do top 10 com a Ferrari, que também testou o assoalho de 2021.

Essa primeira sessão de treinos livres não é muito significativa, pois é realizada ainda à tarde em Abu Dhabi. A classificação e a corrida começam no entardecer, com as temperaturas do asfalto podendo cair em até 15ºC entre o começo e o final da prova. É por isso que o segundo treino livre, realizado no mesmo horário das sessões mais importantes, é o grande foco das equipes. O segundo treino livre começa às 10h da manhã desta sexta-feira (11) pelo horário de Brasília.

Confira a classificação 1º do treino livre do GP de Abu Dhabi
1º Max Verstappen (HOL/Red Bull) - 1min37s378
Valtteri Bottas (FIN/Mercedes) - +0s034
Esteban Ocon (FRA/Renault) - +1s137
4º Alex Albon - (TAI/Red Bull) - +1s169
5º Lewis Hamilton (ING/Mercedes) - 1s366
6º Lance Stroll - (CAN/Racing Point) - +1s453
7º Sergio Perez (MEX/Racing Point) - +1s578
Daniil Kvyat (RUS/AlphaTauri) - +1s772
9º Pierre Gasly (FRA/AlphaTauri) - +1s782
10º Kimi Raikkonen (FIN/Alfa Romeo) - +1s821
11º Carlos Sainz (ESP/McLaren) - +1s952
12º Charles Leclerc (MON/Ferrari) - +1s966
13º Lando Norris (ING/McLaren) - +1s974
14º Sebastian Vettel (ALE/Ferrari) - +2s292
15º Robert Kubica (POL/Alfa Romeo) - +2s527
16º George Russell (ING/Williams) - +3s068
17º Nicholas Latifi (CAN/Williams) - +3s685
18º Mick Schumacher (ALE/Haas) - +3s857
19º Pietro Fittipaldi (BRA/Haas) - +6s691
20º Daniel Ricciardo (AUS/Renault) - sem tempo