PUBLICIDADE
Topo

Paulo Anshowinhas

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Desempenho olímpico incentiva construção de pistas de skate no Brasil

Projeto da pista de skate da orla do Guaíba, em Porto Alegre - Reprodução
Projeto da pista de skate da orla do Guaíba, em Porto Alegre Imagem: Reprodução
Conteúdo exclusivo para assinantes
Paulo Anshowinhas

Paulo Anshowinhas é skatista pioneiro, jornalista, radialista e comunicador. Foi juiz do Mundial de skate da Alemanha, chefe da delegação no Mundial do Canadá, comentarista do X Games e fundador da revista Yeah! Skate is my life.

Colunista do UOL

11/10/2021 04h00

Com o ótimo desempenho do skate brasileiro nas Olimpíadas, a quantidade de pistas públicas em construção no país tem crescido cada vez mais.

Neste final de semana a prefeitura de Ribeirão Preto, no interior de São Paulo, inaugurou a RP Skatepark no Parque Maurílio Biagi, com a presença do presidente da Confederação Brasileira de Skate, Eduardo Musa, e dos campeões Bob Burnquist, Rony Gomes e Ítalo Pennarubia.

De uma forma criativa, a pista foi aberta oficialmente pelo próprio Bob Burnquist, que cortou a faixa instalada no meio do circuito atravessando-o com seu skate.

"É importante que todas as pistas sejam diferentes. A pista é uma obra de arte, uma coisa única, os skatistas precisam chegar aqui e colocar sua visão em cima daquilo que eu construí. Vão colocar o seu fluído, seu estilo, não tem igual no mundo", disse Bob, idealizador do projeto junto com a empresa Rio Ramps Designs e Spot Skateparks.

Para o skatista veterano Rui Muleque, de 54 anos, ídolo do próprio Bob desde os anos 80 e morador da cidade, "a pista foi uma luta e uma conquista dos skatistas da Associação de Skate de Ribeirão Preto, que durante 30 anos lutaram por esse sonho que agora se tornou realidade", comentou.

Esse novo equipamento tem uma área de street de 1.545 metros quadrados, com um park de 1.105 metros quadrados e uma área total de 3.887 metros quadrados, uma das melhores do país.

Maior pista da América Latina será inaugurada dia 23 de outubro

No dia 23 de outubro será inaugurada oficialmente a esperada pista de skate da orla do Guaíba, em Porto Alegre. De acordo com o arquiteto Sylvio Az, da Rio Ramp Design, responsável pela construção junto com o escritório Jaime Lerner, a obra terá 6.260 metros quadrados, sendo que a construção recebeu 940,20 metros cúbicos de concreto e 19,50 toneladas de aço. O Complexo de Skate conta com cinco formatos: três verticais (Bowl, Flow Park e Snake Run), e dois da modalidade street (plaza e flow).

No espaço existem ainda, elementos que fazem referência a pontos da cidade, conhecidos pela prática de manobras do skate: o corrimão da Câmara Municipal, a ponte ondulada da Praça Itália e os bancos do calçadão de Ipanema, na Zona Sul da cidade. Também serão utilizados equipamentos como hidrantes e tampas de bueiro elevadas, além de elementos como âncora, atracadouro e correntes de ferro, em alusão à atividade portuária da capital.

De acordo com a prefeitura o investimento contratual foi de R$ 2.452.181,29.

No final de setembro cerca de 150 skatistas entre amadores e profissionais fizeram um test-drive na pista, e os resultados foram altamente positivos.

"Bah, baita pista perfeita! Andei só no bowl e no snake, o park e o street estavam lotados. O bowl é alto, mas perfeito. O concreto é lisinho, coping block super bem colocado e usaram o clássico azulejo azul clarinho no bowl. A snake é tipo de Venice Beach, começa no zero e as paredes iniciais tem borda redonda, o bowl final tem vert e é bem rápido, dá até para brincar de piscininha", disse o skatista old school Renatão Doliveira, de 60 anos, que começou a andar em 1974.

Em 2004, a revista Cemporcento Skate publicou o primeiro guia de pistas do Brasil, na época com 721 pistas e picos de ruas de todos os estados do Brasil. Dois anos depois, em 2006 em nova edição a quantidade de pistas subiu para 1024 locais para a prática do skate. Desde então esses são os últimos indicadores desses equipamentos que foram pesquisados.

Para o presidente da Confederação Brasileira de Skate, Duda Musa, a entidade já solicitou a todos suas associações e federações filiadas um levantamento mais abrangente para se descobrir um número mais atualizado da realidade das pistas de skate brasileiras.

Atualmente o Brasil é um dos países com maior número de pistas de skate públicas e privadas do mundo, junto com os Estados Unidos, China e Reino Unido.

Errata: o texto foi atualizado
A primeira versão do texto informou incorretamente que Nelson Machezan Júnior é o prefeito de Porto Alegre. O erro foi corrigido.