PUBLICIDADE
Topo

Basquete

Morre Paul Westphal, campeão da NBA e ídolo de Celtics e Suns

Paul Westphal ainda foi indicado cinco vezes ao All-Star Game; como treinador, passou por times como Suns, SuperSonics, Mavericks, Kings e Nets - Michael Gonzales/NBAE via Getty Images
Paul Westphal ainda foi indicado cinco vezes ao All-Star Game; como treinador, passou por times como Suns, SuperSonics, Mavericks, Kings e Nets Imagem: Michael Gonzales/NBAE via Getty Images

Do UOL, em São Paulo

03/01/2021 07h32

Morreu ontem o ex-jogador e ex-treinador de basquete Paul Westphal. Ele tinha 70 anos e foi vítima de um tumor cerebral.

Westphal foi selecionado pelo Boston Celtics no draft da NBA de 1972, e atuou pela equipe por três temporadas. Campeão da liga em 1974, transferiu-se em 1975 para o Phoenix Suns, onde atuou até 1980.

Em 1980, deixou a franquia do Arizona para atuar por Seattle SuperSonics (1980 a 1981) e New York Knicks (1981 a 1983). Voltou aos Suns e se aposentou em 1984.

Além do título de 1974 pelos Celtics, esteve presente cinco vezes ao All-Star Game entre 1977 e 1981. Em sua homenagem, os Suns aposentaram a camisa 44.

Entre 1985 e 2016, passou foi técnico ou assistente em diversas equipes, como Phoenix Suns (1988 a 1995), Seattle SuperSonics (1998 a 2000), Dallas Mavericks (2007 a 2008), Sacramento Kings (2009 a 2012) e Brooklyn Nets (2014 a 2016). "Westy", como era conhecido, trabalhou também como comentarista esportivo em 2006, e entrou para o Hall da Fama do Basquete em 2019.

Nas redes sociais, times nos quais ele atuou prestaram homenagens. "Westy não será imortalizado por como jogou basquete. Ele será lembrado por como viveu sua vida e por como tratou os outros. Descanse em paz, Westy", registrou o Phoenix Suns.

Basquete