PUBLICIDADE
Topo

Basquete

LeBron James e outros astros declaram apoio a boicote na NBA

Do UOL, em São Paulo

26/08/2020 18h10

LeBron James, astro do Los Angeles Lakers e uma das vozes mais ativas nos protesto contra a violência policial contra negros nos Estados Unidos, demonstrou apoio aos jogadores do Milwaukee Bucks após o boicote realizado na tarde desta quarta-feira (26).

Os atletas se recusaram a entrar em quadra para a partida contra o Orlando Magic em protesto contra o ataque sofrido por Jacob Blake no último domingo, no estado de Wisconsin.

Pouco depois, a NBA anunciou que os jogos do dia foram adiados. Oklahoma City Thunder x Houston Rockets e Los Angeles Lakers x Portland Trail Blazers deveriam ser realizados nesta quarta.

"F*** isso. Exigimos mudanças. Cansado disso", escreveu LeBron no Twitter.

JR Smith, companheiro de James nos Lakers, postou uma forte mensagem nos Stories do seu Instagram: "Você não quer nos ouvir. Bem, agora você não pode nos assistir."

Depois de LeBron, outros astros da NBA demonstram apoio à iniciativa dos jogadores.

No último domingo, Jacob Blake foi atingido por sete tiros disparados por policiais na cidade de Kenosha, no estado de Wisconsin. O ataque causou uma nova onda de protestos e criticas à atuação dos oficiais, já que Blake estava desarmado, de costas e perto dos filhos quando foi alvejado. O homem segue internado, mas corre o risco de perder parte dos movimentos.

A violência policial contra negros levou à criação do movimento "Black Lives Matter", que tomou as ruas dos Estados Unidos após a morte de George Floyd em maio e ganhou forte apoio dos atletas da NBA. Alguns atletas não concordaram com o retorno da temporada regular da liga para não tirar a atenção da luta por igualdade racial.

Basquete