PUBLICIDADE
Topo

Basquete

Trump se recusa a fazer desafio de basquete que virou tradição com Obama

Joshua Roberts/Reuters
Imagem: Joshua Roberts/Reuters

Do UOL, em São Paulo

16/02/2017 08h33

O presidente americano Donald Trump se recusou a participar de um desafio de basquete proposto pela ESPN americana que virou tradição durante os oito anos do governo de Barcak Obama.

Ele foi convidado para adivinhar os vencedores dos confrontos de cada um dos jogos dos playoffs do campeonato universitário (NCAA), mas não quis. A informação foi publicada pelo jornal Washington Post.

"Expressamos o nosso desejo à Casa Branca de seguir com o desafio. Mas a proposta foi respeitosamente declinada", afirmou um porta-voz da ESPN.

"Esperamos ter a oportunidade de trabalhar com a ESPN em um futuro próximo", disse Hope Hicks, porta-voz da Casa Branca.

Obama - Reprodução - Reprodução
Imagem: Reprodução

A cada mês de março nos últimos oito anos, Obama recebia uma equipe da ESPN comandada pelo apresentador Andy Katz na Casa Branca e fazia as suas escolhas. Duas das chaves que ele preencheu fazem parte agora do Museu Nacional da História Americana, em Washington.

Basquete