Topo

Basquete


Franca Basquete lança site para receber doações e driblar crise financeira

Léo Meindl é um dos destaques do Franca no NBB - Luiz Pires/FOTOJUMP
Léo Meindl é um dos destaques do Franca no NBB Imagem: Luiz Pires/FOTOJUMP

Do UOL, em São Paulo

14/11/2014 11h42

Em grave crise financeira e sob ameaça de não conseguir disputar a sétima edição do NBB até o fim, o Franca Basquete lançou nesta sexta-feira um site para receber doações de torcedores e empresas interessadas na sobrevivência da tradicional equipe do interior paulista, maior campeã nacional da história.

A campanha intitulada “Franca patrocina Franca” tem como objetivo arrecadar R$ 230 mil neste primeiro mês. A verba será utilizada para pagamento de salários aos jogadores e investimento na formação de atletas.  O dinheiro não poderá ser destinado ao pagamento de multas rescisórias ou dívidas do clube, assim como gastos relacionados a estrutura, viagens ou arbitragem.

O torcedor que quiser contribuir tem várias opções, podendo fazer doações pontuais pelo endereço querodoar.francabasquete.com.br , com valor mínimo de R$ 10, ou doações mensais (de três a 12 meses) por meio de boleto ou cartão de crédito. As cotas variam entre R$ 10 e R$ 50.

Além disso, a diretoria também abriu cotas empresariais. Os valores variam entre R$ 100 e R$ 200. Os investidores passarão a ser considerados patrocinadores do clube.

Franca enfrenta dificuldades financeiras por não contar com um patrocinador master desde a saída da Vivo em agosto. A empresa de telefonia investia cerca de 80% do valor necessário para a manutenção da equipe. Atualmente, Franca conta com o apoio do Magazine Luiza e SEM Genéricos. A verba recebida, porém, não é suficiente para arcar com a folha salarial do elenco, que gira na casa dos R$ 250 mil mensais. Além disso, há dívidas estimadas em R$ 1 milhão.

“A situação é muito delicada mesmo. Estamos sem receita para cobrir as despesas que foram assumidas, há alguns salários que estão atrasados. Estamos nos mobilizando e contando com o apoio de todos na cidade para que não tenhamos até mesmo de interromper as atividades, o que seria muito ruim para um clube que compete sem paralisações há 60 anos. Todos os jogadores estão cientes, estamos sendo o mais transparente possível", afirmou ao UOL Esporte Edu Mineiro, supervisor técnico do Franca.

O clube também espera dar um salto no número de sócio-torcedores. Atualmente, são cerca de 900 associados e a ousada meta é de chegar aos 4 mil.

Em sua história, o Franca possui 11 títulos paulistas, 11 brasileiros e seis sul-americanos, além de dois vice-mundiais. Dezenas de jogadores foram revelados pelo clube, como Anderson Varejão, que atualmente defende o Cleveland Cavaliers na NBA.

Na atual edição do NBB, Franca disputou três partidas e ocupa a quarta colocação, com duas vitórias e uma derrota.