PUBLICIDADE
Topo

Ronco fake: como é o sistema que simula som do motor em carros eletricos

BMW i8 tem sistema que reproduz ronco de motor nos alto-falantes do carro - Divulgação
BMW i8 tem sistema que reproduz ronco de motor nos alto-falantes do carro
Imagem: Divulgação

Vitor Matsubara

Do UOL, em São Paulo

29/01/2020 04h00

Resumo da notícia

  • Active Sound Design é o nome do recurso presente no i8 e em outros esportivos da BMW
  • Sistema identifica rotação do motor e emite ronco pelos alto-falantes do carro
  • VW possui outro sistema que emite vibrações sonoras pelo para-brisa do veículo

Não há como negar que o ronco do motor é um dos grandes responsáveis por aguçar nossos sentidos e reforçar a sensação de potência e velocidade de um veículo. É por isso que algumas fabricantes de carros elétricos desenvolveram um sistema de "ronco artificial".

O BMW i8 é um dos exemplos mais notórios. Ele traz o Active Sound Design, tecnologia lançada na linha BMW em 2011 no M5. Um módulo eletrônico identifica as acelerações, rotações e até o torque do motor em tempo real e reproduz um ronco por meio dos alto-falantes do sistema de som. Ele varia de intensidade de acordo com o modo de condução escolhido pelo motorista.

Do lado de fora, o i8 possui duas saídas de escapamento: uma delas é funcional e está associada ao motor 1.5 turbo a gasolina, que entrega 228 cv. A outra, porém, esconde um alto-falante que emite o som falso do motor.

Bom lembrar que este sistema é bem diferente daquele presente em alguns carros elétricos, que emitem sons quando o veículo trafega em baixa velocidade.

O recurso serve como alerta para os pedestres de que o carro está se aproximando e será obrigatório nos países da União Europeia a partir de 2021. O som deve ser emitido quando o veículo roda abaixo de 20 km/h ou em marcha a ré.

Outros exemplos

Atualmente, o i8 não é o único modelo da BMW equipado com o Active Sound Design. Esportivos como o M2 e o M3 saem de fábrica com o item, que há anos é alvo de polêmica por conta das críticas dos fãs mais puristas da marca, que não veem muita graça no sistema.

A Volkswagen também possui seu sistema, que é conhecido como Soundaktor. Lançado em 2011 no Golf GTI, ele tem funcionamento diferente do Active Sound Design da BMW. Um pequeno alto-falante é instalado logo abaixo do para-brisa e voltado para a parede corta-fogo. Seu objetivo é amplificar o ronco dentro da cabine sem alterar o nível de ruído do lado de fora.

VW Jetta GLI - Divulgação - Divulgação
Jetta GLI é um dos esportivos da VW equipados com o Soundaktor
Imagem: Divulgação

Outra diferença é que as vibrações são transmitidas para a cabine por meio do para-brisa, e não pelos alto-falantes. Vários esportivos da VW adotam o sistema, como Golf R, Jetta GLI e o recém-lançado Polo GTS.