Topo

Testes e lançamentos


Teste: Classe A Sedan é melhor sedã da Mercedes com preço quase de Corolla

Classe A Sedan tem bom pacote de equipamentos e preços honestos - Divulgação
Classe A Sedan tem bom pacote de equipamentos e preços honestos
Imagem: Divulgação

Vitor Matsubara

Do UOL, em São Paulo

16/10/2019 04h00

Resumo da notícia

  • Sedã derivado do Classe A tem design elegante e bom conteúdo
  • Modelo tem central multimídia MBUX com assistente pessoal e comandos de voz
  • Motor 1.3 turbo de 163 cv foi feito em parceria com a Renault

Faz mais de 20 anos que a Mercedes-Benz investe no segmento de compactos de luxo.

Alguns projetos fracassaram, como o primeiro Classe A, famoso mundo afora pelo infame capotamento no "teste do alce". Outros tiveram melhor sorte, como o CLA. Mas nenhum deles foi tão promissor como é o novo Classe A Sedan.

Pense nele como um irmão mais "careta" do CLA. Assim é o sedã derivado do Classe A, vendido por valores mais camaradas que o hatch.

Design sóbrio e elegante segue identidade visual da marca - Divulgação
Design sóbrio e elegante segue identidade visual da marca
Imagem: Divulgação

São duas versões de acabamento: a Style custa R$ 139.900 e a Advance sai por R$ 169.900. Foi esta última configuração a avaliada por UOL Carros.

'Corolla' da Mercedes?

Antes que os "mercedeiros" de carteirinha comecem a reclamar é importante esclarecer porque o Classe A Sedan merece este apelido - muito longe de ser jocoso, por sinal.

Poderia ser pelo estilo mais conservador? Sim, mas não é por isso. Assim como o campeão de vendas da Toyota, o sedã é dono de um dos conjuntos mais honestos e equilibrados de toda a gama de produtos da empresa no país.

Sedã tem 4,54 m de comprimento e 2,73 m de entre eixos - Divulgação
Sedã tem 4,54 m de comprimento e 2,73 m de entre eixos
Imagem: Divulgação

Tudo isso é oferecido a um valor que pode não ser baixo, mas não parece absurdo graças aos valores pedidos pelos sedãs médios mais vendidos do mercado. Basta lembrar que um Toyota Corolla Hybrid completo sai por R$ 130.990.

O design do Classe A é moderno e passa longe da ousadia que nem todos apreciam do CLA. Talvez era isso que faltava para cativar novos clientes, como provam as vendas do segmento de sedãs de luxo. Emplacamentos de setembro indicam que o A Sedan foi o terceiro mais vendido do segmento com 301 unidades.

Linhas da traseira não são ousadas, mas agradam - Divulgação
Linhas da traseira não são ousadas, mas agradam
Imagem: Divulgação

Seja como for, as linhas agradáveis refletem a nova identidade visual da marca alemã, marcada pelos faróis amendoados e grade em posição destacada. Atrás, as lanternas seguem o formato do hatch.

Classe S? Que nada!

O Classe A Sedan é o que há de mais moderno em toda a linha de automóveis da Mercedes-Benz no Brasil. É isso mesmo: a gente viveu para ver um modelo de entrada ser o ápice da tecnologia de uma das marcas mais prestigiadas do mundo.

Duas telas de 10,25 polegadas formam o sistema de entretenimento MBUX - Divulgação
Duas telas de 10,25 polegadas formam o sistema de entretenimento MBUX
Imagem: Divulgação

A "culpa" é da central multimídia MBUX, que estreou por aqui justamente na linha Classe A. São duas telas de 10,25 polegadas integradas que agrupam painel de instrumentos (personalizável como nos Mercedes mais caros), computador de bordo e diversas funções do veículo.

Por meio dela você controla ar-condicionado, som, configurações do veículo e por aí vai. E tem mais: existe uma assistente pessoal como a dos smartphones que reconhece comandos de voz. Basta dizer "Oi, Mercedes" (ou outro cumprimento que você queira seguido pelo nome "Mercedes") que ela fica de prontidão.

Cabine tem acabamento de boa qualidade - Divulgação
Cabine tem acabamento de boa qualidade
Imagem: Divulgação

Funciona bem, embora na unidade avaliada alguns comandos ainda estivessem configurados para o português de Portugal.

A cabine tem acabamento de boa qualidade e faz jus ao padrão da Mercedes-Benz. Há bom espaço interno no banco traseiro para dois adultos, mas um terceiro ocupante não terá vida fácil, especialmente por conta do túnel central ser alto demais.

Acelerando

Atenção especial merece o motor 1.3 turbo de 163 cv e torque máximo de 25,5 kgfm.

Desenvolvido em conjunto com a Renault, ele equipará futuros lançamentos da marca francesa no Brasil.

Por ora, ele se comporta muito bem no A Sedan, entregando respostas rápidas e comportamento linear, seja em baixas ou altas rotações. E ainda tem o bônus de um ronco bem agradável aos ouvidos.

Posição de dirigir é baixa, bem clássica dos Mercedes-Benz - Murilo Góes/UOL
Posição de dirigir é baixa, bem clássica dos Mercedes-Benz
Imagem: Murilo Góes/UOL

Já o câmbio automatizado de dupla embreagem tem sete marchas e faz as trocas no tempo certo, sem deixar o sedã perder embalo nos momentos críticos.

De bom tamanho

Bem equipado, o A Sedan vem com 7 airbags, ar-condicionado digital, central multimidia com tela tátil (finalmente!) e suporte a Android Auto e Apple CarPlay, frenagem autônoma de emergência, faróis Full LED, câmera de ré, banco do motorista com regulagem elétrica e rodas de liga leve de 18 polegadas.

Desta lista, só causa estranheza a ausência de uma simples entrada USB convencional, substituída por uma entrada do tipo USB-C.

Bom espaço no banco de trás - Murilo Góes/UOL
Bom espaço no banco de trás
Imagem: Murilo Góes/UOL

Além disso, a alavanca de câmbio, tradicionalmente posicionada atrás do lado direito do volante (onde normalmente ficam os comandos do limpador de para-brisa) nos modelos da Mercedes, podia ter aparência menos frágil.

O Classe A Sedan é o modelo mais barato da Mercedes-Benz no Brasil, e curiosamente um dos melhores também. Pode não ser equipado como um Classe S ou requintado como o Classe E, e nem ter a esportividade dos AMG.

Porta-malas poderia ser maior e não tem dobradiças pantográficas - Divulgação
Porta-malas poderia ser maior e não tem dobradiças pantográficas
Imagem: Divulgação

Porém, ele entrega um bom pacote de equipamentos, tecnologia de ponta e motorização elogiável por um preço condizente com sua proposta. Viu como de repente faz sentido chamá-lo de o "Corolla da Mercedes"?

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Testes e lançamentos