PUBLICIDADE
Topo

Volvo XC40 tem preço atraente, é semi-autônomo, mas impressiona? Assista

Benê Gomes

Do Auto+, em São Paulo (SP)

14/07/2018 08h00

Sistema Pilot Assist -- que acelera, freia e até faz curvas por conta -- é grande atrativo do crossover premium

O carro semiautônomo mais acessível do Brasil. Este é um dos principais méritos do Volvo XC40, lançado em abril no país -- apenas alguns meses após sua revelação na Europa. Mas ele também é chamativo no visual, espaçoso e muito bem equipado e, com isso tudo, quer ser o Volvo mais vendido no país e se firmar como referência entre crossovers de luxo do mercado.

São três versões: T4 (R$ 169.950), Momentum (R$ 194.950) e R-Design (R$ 214.950). O sistema semi-autônomo Pilot Assist custa R$ 5 mil para as duas primeiras versões, sendo item de série da R-Design.

Veja mais

+ BMW X2: como anda o principal rival? Assista
Inscreva-se no canal de UOL Carros no Youtube
Instagram oficial de UOL Carros
Siga UOL Carros no Twitter

Atrativos suecos

O Pilot Assist é o sistema responsável por tirar um pouco da tensão do motorista durante a viagem, sobretudo na estrada: monitora o trãnsito o tempo todo e pode acelerar, frear e fazer curvas suaves por conta própria a até 130 km/h. O sistema, aliás, não depende da presença de outro veículo à frente para funcionar, orientando-se pelas faixas de rolagem da estrada. Só não dá para abandonar o volante de vez, ainda.

Além de sua importância comercial, o XC40 inaugura a nova família de modelos compactos da fabricante, estreando também a plataforma modular CMA.

Se a base é inédita, o design segue a identidade visual da marca inaugurada pelo XC90 e seguida pelo XC60. Presente nos demais modelos da Volvo, a bela iluminação diurna em formato de "T" (chamada pela Volvo de "Martelo de Thor") também está presente no XC40.

A linha de cintura elevada é marcada por uma faixa na coluna "C", adotando uma solução presente em modelos mais simples, como o Nissan Kicks.

Atrás, as lanternas em posição elevada são "tipicamente Volvo", embora o design da traseira seja mais limpo do que nos demais modelos da Volvo.

Duas potências

O XC40 é oferecido com duas variações do motor 2.0 turbo, entregando 190 cv para a T4 e 252 cv para as demais, já que nelas há também compressor (o que leva o projeto a receber um nome diferente, "T5"). Momentum e R-Design oferecem ainda tração integral.

Todos são associados a uma transmissão automática de oito marchas com opção de trocas sequenciais, inclusive em aletas atrás do volante dependendo da versão.