PUBLICIDADE
Topo

Jorge Moraes

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Salão do Automóvel em Interlagos? Só falta convencer as montadoras

Salão do Automóvel de São Paulo em 2018 foi o último realizado no Brasil - Divulgação
Salão do Automóvel de São Paulo em 2018 foi o último realizado no Brasil Imagem: Divulgação
Conteúdo exclusivo para assinantes
Jorge Moraes

Jornalista, Jorge Moraes trabalha com o segmento automotivo desde 1994. Presente nos principais salões internacionais, é editor do caderno de Carros no Diário de Pernambuco, diretor e apresentador do programa Auto Motor na Band, e âncora do programa CBN Motor na rádio CBN Recife.

Colunista do UOL

03/02/2022 04h00

Como dizem os esperançosos: tudo pode acontecer... inclusive nada. O clima de incertezas com a piora nos casos de covid-19, as restrições dos eventos (ainda que temporárias) e o advento das lives e do novo mundo digital podem espantar de vez o Salão do Automóvel de São Paulo. O evento está tecnicamente confirmado para acontecer entre os dias 6 e 14 de agosto deste ano no autódromo de Interlagos, segundo informação divulgada pelo Automotive Business e confirmada pela coluna.

Quanto aos participantes, vejo que a maioria das montadoras ainda está com um pé atrás em relação a esse tipo de exposição, que inclui a experiência direta do consumidor nas pistas.

  • O UOL Carros agora está no TikTok! Acompanhe vídeos divertidos, lançamentos e curiosidades sobre o universo automotivo.

O UOL Carros apurou junto às montadoras quais toparam participar do Salão de São Paulo neste novo formato. A BMW confirmou o contrato assinado, enquanto a Renault, segunda mais animada, disse que tem interesse. E só.

A General Motors já adiantou que está fora, mantendo o foco de suas experiências praticamente 100% no digital. Já as demais marcas, segundo nossa apuração, estão analisando as possibilidades. Cenas dos próximos capítulos que vamos escrever em breve.

Além do fator pandemia, o que pesa na hora das marcas confirmarem as suas decisões são os custos envolvidos e a falta de exclusividade que um evento desse tipo condiciona.

Outro ponto de destaque é a transformação no setor e, consequentemente, sua forma de apresentar os novos produtos. Os fabricantes descobriram o baixo custo das lives, o alto impacto de retorno e uma chance de espalhar para todas as mídias o que eles querem. Não somente as tradicionais.

Em um cálculo direto, os custos anteriores em eventos como o Salão do Automóvel de 2018 chegavam à casa dos R$ 20 milhões para os estandes de grande porte. Os valores eram investidos em espaço, montagem do estande, publicidades e experiências singulares para prender e dividir a atenção do público.

Segundo interlocutor do setor, que prefere não se identificar, os gastos foram crescendo ao mesmo tempo em que se encaminhava para a era digital, com as redes sociais, e cada vez mais parou de fazer sentido ter um alto custo de mídia e divulgação para mostrar as novidades dentro de um evento em que se divide o espaço com outros nomes importantes da indústria automotiva.

Devido a esses e vários outros fatores, alguns Salões de Automóveis estão começando a investir em uma reestruturação na sua forma de apresentar as novidades, com custos bem menores e pensamento voltado na experiência do cliente, não na exposição direta dos veículos.

Um dos primeiros a seguir esse novo formato será o Salão de Detroit deste ano, que servirá como um gabarito para os futuros eventos. Já vimos um ensaio desse tipo no Salão de Los Angeles, realizado em novembro do ano passado e que teve a nossa cobertura.

A Reed Exhibitions, empresa responsável pela realização do Salão de São Paulo, também aposta em uma reestruturação na sua forma de apresentação, como tentativa de segurar as montadoras. Mas o evento será um grande teste, com os "convidados" que ainda não confirmaram a presença.

Luiz Bellini, diretor de portfólio da Reed, disse à coluna que ainda não pode comentar detalhes do evento. "Mas posso garantir que estamos trabalhando em um conceito único e inovador, marcado pela experiência automotiva", declarou o executivo.

Quer ler mais sobre o mundo automotivo e conversar com a gente a respeito? Participe do nosso grupo no Facebook! Um lugar para discussão, informação e troca de experiências entre os amantes de carros. Você também pode acompanhar a nossa cobertura no Instagram de UOL Carros.