PUBLICIDADE
Topo

Infomoto

Quase um smartphone: scooter elétrico indiano tem Android com 4G e wi-fi

Conectado, nova Ather 450 X usa Google Maps como aplicativo de navegação e baixa atualizações da nuvem - Divulgação
Conectado, nova Ather 450 X usa Google Maps como aplicativo de navegação e baixa atualizações da nuvem Imagem: Divulgação
Arthur Caldeira

Arthur Caldeira, jornalista e motociclista (necessariamente nessa ordem) fundador da Agência INFOMOTO. Mesmo cansado de ouvir que é "louco", anda de moto todos os dias no caótico trânsito de São Paulo.

Colunista do UOL

21/06/2020 04h00

Com a filosofia de que o futuro da mobilidade será elétrico e conectado, a indiana Ather Energy apresentou o novo 450X, projetado e desenvolvido do zero na Índia. O scooter elétrico, classificado como premium, promete revolucionar a mobilidade urbana no país que é o maior mercado consumidor de veículos de duas rodas do mundo.

Ather 450 x - Divulgação - Divulgação
Ather 450X pode chegar a até 80 km/h; autonomia da bateria é de 85 km
Imagem: Divulgação
O Ather 450X terá um cartão SIM 4G e wi-fi, além da conectividade Bluetooth, permitindo que os usuários gerenciem chamadas telefônicas e músicas no painel touchscreen. O novo painel de tela sensível ao toque de 7 polegadas vem com uma profundidade de cor de 16 M e um processador Snapdragon Quad Core. O preço é de 159 mil rúpias, o equivalente a R$ 11.200.

O Android Open Source foi usado para oferecer navegação no Google Maps, diagnóstico a bordo e outros recursos exclusivos, como atualizações da nuvem, desligamento automático das setas e luzes de cortesia (guide-me-home).

Há ainda um aplicativo para smartphones que oferece estatísticas personalizadas da pilotagem, status da carga da bateria, navegação por push e mais funcionalidades como detecção de roubo e reboque, localização ao vivo e rastreamento do estado do veículo, assistente de voz e luzes de boas-vindas. O Ather 450X também suporta acessórios conectados, como capacetes inteligentes e sistemas de monitoramento de pressão dos pneus.

Ather recarga - Divulgação - Divulgação
Recarga em tomadas comuns leva até 6 horas, mas em postos de recarga rápida, bastam 10 minutos para rodar 15 km
Imagem: Divulgação
Alimentado com um motor elétrico de 6kW e uma bateria de íons de lítio de 2,9 kWh, o Ather 450X tem até quatro modos de pilotagem: Eco, Ride e Sport, e um novo modo de alto desempenho, batizado de Warp. O scooter vai de 0 a 40 km / h em apenas 3,3 segundos no modo Warp, fazendo dele uma opção rápida para se locomover na cidade.

A bateria tem autonomia projetada de 116 km no padrão indiano, mas a empresa afirma que, na vida real, o alcance é de 85 km em uso urbano (no modo Eco). A carga completa em tomadas comuns leva quase seis horas, mas a Ather oferece atualmente 14 pontos de recarga rápida na cidade de Chennai, sul da Índia, onde em 10 minutos já recarrega o suficiente para rodar 15 km.

Rede de recarga

Ather grid - Divulgação - Divulgação
Ather tem postos de recarga rápida em Chennai e Bangalore; empresa planeja a chegar em outras 30 cidades até 2023
Imagem: Divulgação
Para solucionar a falta de pontos públicos de recarga na Índia, a empresa criou uma rede própria. Batizada de rede Ather Grid abrange 39 pontos de carregamento em Bengaluru e 14 pontos em Chennai. A empresa planeja expandir a rede e configurar pontos de recarga em 30 cidades até 2023. O objetivo é ter um ponto a menos de 4 km de distância do próximo.

Os locais dos pontos de carregamento foram selecionados para reduzir o incômodo de passar horas em uma estação de carregamento. As estações foram instaladas nos locais mais visitados, como shoppings, parques tecnológicos e cafés, que se encaixam no estilo de vida dos consumidores.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL.