PUBLICIDADE
Topo

Rio de Janeiro

Carro volta a dar problema e ofusca brilho do desfile da União da Ilha

Quinto carro da União da Ilha tem problemas para entrar no desfile - Daniel Pinheiro /AgNews - Daniel Pinheiro /AgNews
Quinto carro da União da Ilha tem problemas para entrar no desfile
Imagem: Daniel Pinheiro /AgNews

Do UOL, no Rio

27/02/2017 23h48

A segunda noite do Grupo Especial já começou com grandiosidade e luxo na Sapucaí, com a União da Ilha trazendo o enredo "Nzara Ndembu – Glória ao Deus Tempo" uma história da mitologia angolana.

No entanto, o gigantismo das alegorias causou problemas à escola: o quinto carro teve dificuldades para entrar na pista, chegou a se desviar na pista e encostar nas grades e sofreu com uma pane elétrica que deixou todas as luzes apagadas durante o desfile. A tensão foi grande, devido ao acidente ocorrido no sábado com o carro da Paraíso do Tuiuti, e membros da Liesa (Liga Independente das Escolas de Samba) e bombeiros acompanharam a alegoria na avenida.

Na dispersão, o carro parou novamente e dificultou a saída das alas, levando a escola a encerrar no limite máximo de 1h15. Na tentativa de manobrá-lo o carro chegou a encostar no estúdio panorâmico da Globo.

"Foi uma fatalidade. A caixa de direção quebrou e não conseguimos fazer a manobra. Puxamos o carro para frente para o de trás passar e deu tudo certo dentro das possibilidades", disse Wilsinho, diretor de carnaval da União da Ilha.

O enredo da Ilha contou a lenda banto sobre a criação do mundo. Nesse relato, Kitembo, rei de Angola, recebe de Nzambi poderes para ser o Senhor do Tempo e inicia uma viagem em que encontra os quatro elementos fundamentais para o planeta: terra, água, fogo e ar.