PUBLICIDADE

Topo

Conexão VivaBem

Equilíbrio


Monja Coen ensina respiração consciente, para diminuir ansiedade

Do VivaBem, em São Paulo

28/07/2020 18h00

No Conexão VivaBem desta terça-feira (28), Monja Coen Roshi ensinou a respiração consciente, que é um pré-requisito para a meditação. Segundo ela, essa respiração ajuda a perceber a ansiedade e a controlá-la.

Para praticar, é preciso sentar-se da metade para a frente da cadeira, mantendo a coluna vertebral ereta, os ombros um pouco para trás e para baixo, as orelhas em linha com os ombros e o nariz com o umbigo. "Ao inspirar, você não puxa o ar, você permite que o ar entre na medida em que a sua caixa torácica se expande. E vamos soltar pela boca bem devagar, o mais lento possível, abrindo a glote, fazendo um pequeno som o mais lento e o mais longo possível".

A monja disse que a ansiedade sempre leva os pensamentos adiante, mas a respiração os trazem para o presente. "A ansiedade é natural, estamos vivendo uma situação diferente de tudo que já vivemos antes. É natural ter ansiedade para pagar conta, do emprego, o que vai acontecer depois".

Segundo ela, a ansiedade pode fazer com que se tome medidas adequadas. "Você toma medidas de precaução, isso é importante. Eu fico ansiosa para não pegar o coronavírus, então eu não saio na rua. Se eu saio, eu ponho a máscara. Mas eu não posso ficar aqui desesperada, pensando como é que vai ser amanhã".

Faça planos

Para estar presente no aqui agora e evitar a expectativa do inesperado, a monja sugere que se escreva os planos. "Eu gostaria, por exemplo, gostaria que todos os seres despertassem. Queria que todos que passam por essa pandemia acordassem, tornassem seres de pura luz, solidários, amorosos, que não houvesse mais guerra, que todas as conquistas da ciência foram compartilhadas igualmente com todos os povos, todos os países".

Depois de anotar os planos, é preciso tomar as medidas. No caso dela, ensina as pessoas a respirar, a estar presente, a viver com plenitude cada instante. "Cada um de nós que vira o olhar da ansiedade para a presença pura, para o prazer na existência está transformando tudo à sua volta".