Topo

Movimento

Inspiração pra fazer da atividade física um hábito


Movimento

12 táticas para aumentar a motivação e tornar mais fácil sua ida à academia

iStock
Imagem: iStock

Anna Paula Lima

Colaboração para o VivaBem

20/07/2018 04h00

Você já tentou fazer da atividade física um hábito várias vezes e nunca conseguiu "engrenar" no treino. Nós entendemos. É normal a falta de tempo, de motivação ou até mesmo a preguiça atrapalhar atletas iniciantes e até avançados. 

Para sua rotina de exercícios engatar de vez, apresentamos um arsenal de táticas podem ajudar você a pegar gosto pela academia. A lista foi montada com auxilio de Renato Dutra, educador físico especialista pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp); Paulo Scheuer, educador físico especializado pela Universidade de São Paulo (USP); e Diego Belotti, treinador da Bio Ritmo Academia.

Veja também:    

  • iStock

    Arrume as roupas de treino na véspera

    Colocar as coisas da academia na mochila ou separar os acessórios de corrida no dia anterior fará com você prepare sua mente para o que virá. Além de já criar um compromisso com a atividade física, isso reduz a preguiça de ir treinar. Afinal, "já está tudo arrumado mesmo". Sem falar que evita a desculpa "acordei atrasado e não tive tempo de pegar a roupa para malhar".

  • iStock

    Malhe com um amigo

    Ter um companheiro de treino traz inúmeras vantagens. A interação entre vocês tende a tornar a atividade física prazerosa. O exercício passa voando e não parece uma obrigação. Além disso, há o compromisso com o colega. Quando um está com preguiça ou desanima da malhação, o outro o motiva continuar.

  • iStock

    Trace metas reais e curtas

    Tudo bem você iniciar os treinos pensando em ter uma abdome definido. Mas esse é um objetivo que leva muito tempo e grande dedicação para ser alcançado --e "nunca" chegar ao resultado pode gerar desânimo. Então, trace também metas "intermediárias", que podem ser alcançadas em curto prazo. Elas trarão a sensação de dever cumprido, uma felicidade por ter conseguido, além de coragem para buscar outro desafio.

  • iStock

    Busque uma atividade que realmente gosta

    O maior prazer da atividade física é fazer o que você gosta. Por isso, é válido que você experimente todo tipo de exercício. Isso o motivará a treinar com frequência e, consequentemente, gerar um ótimo resultado. Experimente uma aula de bike, outra de funcional, faça pilates e só defina sua modalidade quando realmente encontrar algo que curte fazer de verdade.

  • Getty Images

    Malhe com um personal trainer

    Isso cria um compromisso. Você não pode deixar de treinar por saber que alguém vai estar esperando exclusivamente por você naquele horário. Além disso, o educador físico vai montar um plano de acordo com seus objetivos e possibilidades, ajustando todas as variáveis conforme seu condicionamento evolui. Isso ajuda a obter bons resultados e manter o foco.

  • iStock

    Invista em equipamentos de treino

    Comprar um relógio para correr ou um fone novo para malhar tende a estimular você a se manter firme no treino. Afinal, você está fazendo investimentos na atividade física e não pode abandoná-la antes de colher os resultados. Sem falar que também existe a motivação para experimentar o "brinquedo novo" e explorar tudo que ele pode trazer para seu exercício. Outra boa tática é planejar que você vai comprar um acessório novo como "prêmio" após cumprir um objetivo.

  • iStock

    Veja os resultados além da balança

    A balança só mostra o peso. E músculos também pesam! Por isso, é possível você estar perdendo gordura e os dígitos na balança seguirem praticamente iguais. Quem faz atividade física deve ficar de olho na composição corporal (massa muscular x massa gorda/percentual de gordura). Você pode descobrir isso por meio de uma avaliação física ou em uma balança de bioimpedância. Não tem acesso a esses recursos? Tire as medidas da sua cintura ou fique de olho nas roupas que começam a ficar largas.

  • iStock

    Aposte em treinos ao ar livre

    Essa é uma boa saída tanto para quem não gosta do ambiente da academia quanto para quem curte o treino indoor. Fazer uma atividade ao ar livre vai permitir variar o treino e trazer novos estímulos para a mente --você vê pessoas e paisagens diferentes.

  • iStock

    Procure por treinos coletivos

    Se treinar com um amigo é ótimo, imagina em um grupo com cinco, 15, 30 pessoas incentivando você? É por isso que atividades coletivas são ótimas motivadoras e espantam a preguiça. Se você pensar em desistir, outras pessoas o farão continuar, e nisso cria-se uma tribo que fará aquele treino sempre junta. Leia mais

  • Getty Images

    Agende os horários de exercício

    Colocar na agenda do celular seus dias e horários de treinamento ajuda a estabelecer uma rotina. Afinal, eles se tornam compromissos "de verdade", como um curso, a reunião com o chefe ou a apresentação na escola da sua filha.

  • iStock

    Não tenha um local de treino fixo

    Se você possui muitos compromissos fora do escritório, ter um local de treino fixo pode fazer com que desista do exercício nos dias mais apertados. Mas já existem planos de academia que permitem treinar em diferentes unidades --ou até mesmo em diversas academias. A facilidade também pode ser um estímulo para conhecer novos lugares, praticar outras atividades e até ampliar o círculo de amigos.

  • Getty Images

    Inspire-se nas redes sociais

    Seguir pessoas nas redes sociais que já conseguiram bons resultados ou adotaram a atividade física como estilo de vida tem um efeito motivacional. Pode ser gente que venceu a luta contra a balança, conseguiram algum tipo de superação, como passar da caminhada à maratona. Apenas lembre-se que exercício é algo individual. Você não deve copiar o que essas pessoas fazem. Seu treino deve ser elaborado por um educador físico.

Fonte: Renato Dutra, educador físico especialista pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp); Paulo Scheuer, educador físico especializado pela Universidade de São Paulo (USP), personal trainer e coach da Moving_lifesyle; e Diego Belotti, treinador da Bio Ritmo Academia.