PUBLICIDADE

Topo

Moda

Como Marina Ruy Barbosa: relembre famosas que criaram marcas de roupas

Marina Ruy Barbosa em foto publicada nas redes - Instagram
Marina Ruy Barbosa em foto publicada nas redes Imagem: Instagram

De Universa

26/07/2020 15h28

Marina Ruy Barbosa usou o Instagram para anunciar ontem (25) o lançamento da sua marca de roupas, Ginger. "Venho mergulhando em mim mesma faz um tempo (...) E no meio dessa minha viagem de autoconhecimento, comecei a desenvolver um sonho antigo", escreveu. "Eu amo incondicionalmente ser atriz (e já tô cheia de saudades de atuar) e isso não vai mudar. Mas paralelamente preciso dar espaço a outras mulheres que habitam dentro de mim. Eu sou apaixonada por moda, sempre fui". Segundo o que contou, as três palavras-chave da marca serão "moda", "sustentabilidade" e "arte".

ALERTA TEXTA?O: Eu venho mergulhando em mim mesma já faz um tempo. Tentando me questionar sobre milhões de coisas. Quem eu sou? Quais caminhos devo seguir? Como cuidar de mim mesma dando espaço pra felicidade genuína? Qual o meu papel nesse mundão? E no meio dessa minha viagem de autoconhecimento, comecei a desenvolver um sonho antigo. A partir de hoje VOCE?S começam a fazer parte disso. Eu amo incondicionalmente ser atriz (e já tô cheia de saudades de atuar) e isso não vai mudar. Mas paralelamente preciso dar espaço a outras mulheres que habitam dentro de mim. Eu sou apaixonada por moda, sempre fui. Acredito que através da moda a gente se expressa e é capaz de processos únicos - além de ser uma das áreas que mais gera empregos no mundo. Acredito que a moda e uma marca precisam e devem ser muito além de uma peça de roupa. Até um produto chegar ao consumidor final, centenas de pessoas fazem parte daquele processo, com amor, dedicação e talento. Acredito em uma moda com olhar para o futuro, com mais atenção ao meio ambiente e preocupada com o impacto. Ter uma marca que tivesse o meu DNA, em que eu participasse de TODOS os detalhes - desde a criação de marca e tudo o que envolve um projeto novo, até a escolha de tecidos junto com a equipe (entendendo todos os impactos que cada um causam ao nosso planeta!) -, fazer uma moda fashion, com modelagens e acabamentos que eu acredito. Enfim, tem sido um processo longo. E tenho aprendido muito sobre um universo que nunca vivi tão intensamente. Graças a uma equipe que foi se formando durante esse caminho, @vanessavanessavanessa (minha partner completamente genial) e @lebenites (transformando nossos sonhos em realidade em forma de roupa!), hoje posso apresentar a vocês: @SHOPGINGER ? Moda + sustentabilidade + arte! Começamos essa história com a coleção "PREFA?CIO", com 100% do lucro revertido pra ONG @gerandofalcoes que faz um trabalho essencial nas favelas no Brasilzão. E? só o começo, não estamos nascendo sabendo tudo, mas estamos cheios das melhores intenções ;)

Uma publicação compartilhada por Marina Ruy Barbosa (@marinaruybarbosa) em


Ela não é a primeira celebridade a investir no ramo, principalmente entre as cantoras e atrizes gringas, o hábito é comum. Relembre outras famosas que também decidiram se aventurar na área da moda:

1. Rihanna

Além da marca de cosméticos Fenty Beauty, a cantora criou também a marca de roupas e sapatos Fenty. Logo no lançamento, ela fez questão de reforçar que os modelos seriam adaptados também aos corpos que fogem do padrão de beleza da indústria da moda. "Tive de provar como cada peça se ajustava aos meus quadris, às minhas coxas, e me certificar de que não ficaria bem apenas em uma modelo magra", disse na época.

2. Reese Witherspoon

A atriz é dona da marca Draper James, que sorteou 250 exemplares de vestidos para professoras dos Estados Unidos como um agradecimento pelos esforços realizados em prol do ensino durante a pandemia.

3. Thaila Ayala

Durante a quarentena, a atriz anunciou o lançamento de Amar.Ca, que inicialmente se chamava Vir.Us, mas mudou de nome após receber críticas por parte do público.

MONO

Uma publicação compartilhada por AMAR.CA (@amar.ca.2020) em

4. Victoria Beckham

Considerada uma das empreendedoras mais bem-sucedidas do Reino Unido, Victoria Beckham fez uma transição de carreira: depois de se tornar conhecida através da banda Spice Girls, migrou para a profissão de estilista e inaugurou a primeira loja de grife em Londres, em 2014. A marca, que leva o seu nome, comercializa roupas, acessórios e sapatos.

5. Mary-Kate e Ashley Olsen

As gêmeas se tornaram atrizes muito cedo, mas se encontraram verdadeiramente como empresárias e estilistas de moda, e comandam a grife The Row.

Fall 2019 Collection www.therow.com

Uma publicação compartilhada por The Row (@therow) em

Moda