PUBLICIDADE

Topo

Marquezine tem corpo criticado em foto de Ano-Novo e seguidores a defendem

A atriz Bruna Marquezine - Reprodução/Instagram
A atriz Bruna Marquezine Imagem: Reprodução/Instagram

De Universa

01/01/2020 15h27

A atriz Bruna Marquezine postou uma foto na terça-feira (31) com o look de Ano-Novo e outra com a irmã, Luana. Mas não foi o conjunto de saia e top nem a rara aparição pública de Luana que chamaram a atenção de alguns seguidores.

Assim que as fotos foram postadas, pipocaram comentários sobre a aparência de Bruna, nos quais algumas pessoas, a maioria homens, criticavam ou faziam piada dizendo que a atriz estaria muito magra.

Na sequência, outros seguidores começaram a questionar as críticas sobre o corpo da atriz. "Ser gordo ou ser magro não é sinônimo de uma pessoa não saudável. Na verdade, o que não é nada saudável é o seu comentário absurdamente irresponsável e extremamente ignorante", respondeu uma mulher a um homem que sugeria que Bruna tem anorexia. O comentário dela foi retuitado por Bruna.

Empatia

Não é a primeira vez que Bruna recebe esse tipo de comentário. Em setembro de 2018, ela fez uma série de stories no Instagram comentando as mensagens recebidas dizendo que estaria "magra demais" em uma foto.

"Vi muitos comentários na minha última foto. Eu tô muito saudável, graças a Deus. Fiz meus exames e tô muito bem. Acho importante que a gente se sinta bem e isso deveria ser a única coisa que importa", disse a artista, mostrando alguns dos ataques e "conselhos" e reafirmando que não está pensando em emagrecer.

Os stories ainda estão nos Destaques de sua conta na rede social, com o título Empatia. Nas publicações, Bruna lembrou que nem sempre se sentiu bem com seu corpo e revelou um passado que poucos conhecem. "Já acreditei na opinião alheia e achei que deveria emagrecer. Tomava laxante todos os dias por meses. Tive depressão por questões de autoestima. Minha família começou a perceber, e pouquíssimos amigos sabiam o que acontecia", disse.

"É tempo de aceitação. Isso precisa parar: dizer que preciso engordar, que homem gosta de carne", comentou. "Ser sincero é diferente de ser sem educação", sobre opinião não-requisitada. "Eu não perguntei se tô magra demais".

Autoestima