Topo

Moda

Moda evangélica: conheça as gêmeas que transformaram a fé em marca fashion

Tamiris e Thais Rodrigues - Reprodução/Instagram
Tamiris e Thais Rodrigues Imagem: Reprodução/Instagram

Jéssica Arruda

Colaboração para Universa

06/08/2019 04h00

Gêmeas e fashionistas, Tamiris e Thais Rodrigues, de 31 anos, decidiram ir além dos "looks do dia" no Instagram: elas empreenderam no mercado da moda ao lançar peças de vestuário com foco nas mulheres evangélicas. Aliando releituras de tendências das passarelas e referências de grifes como Dior, Valentino e Dolce & Gabbana, as irmãs são o nome por trás da marca Thais Rodrigues (TR). Atualmente, são vendidas mais de 2 mil peças por semana para clientes do Brasil e de mais 11 países, entre eles Estados Unidos, França, Inglaterra, Espanha, Argentina e Chile.

Com e-commerce e três lojas físicas, em São Paulo, Alphaville e Campinas, a TR começou, em 2010, nos fundos de uma casa em Itaquera, na zona leste paulistana. Diretora criativa e estilista, Thais credita o sucesso à variedade de estilos, estampas e à qualidade das peças. "As coleções são extensas e cabem em qualquer momento em que as mulheres quiserem se sentir bem", garante.

As irmãs abastecem as seguidoras com lançamentos semanais e promovem eventos para levar as novidades da marca de moda evangélica a diversas cidades: reúnem cerca de 1.500 "migas loucas" (como chamam suas fãs) a cada encontro.

Rede social como vitrine

Thais tem status de celebridade não só nos "encontrinhos" como também na igreja que frequenta desde criança, a Congregação Cristã. Há quem a chame de "Thássia Naves das evangélicas", em comparação à influencer mineira, uma das mais importantes do país -- seguida por mais de 3,2 milhões de pessoas e um dos nomes da lista Under 30 da Forbes.

O start de Thais para designer de sucesso surgiu quando ela se apaixonou pela ideia de interagir com as seguidoras ao mostrar as roupas que criava. Na época, em 2010, os encontrinhos eram organizados pelo Orkut e não tinham o buzz de hoje: Thais fazia as peças em casa e levava suas criações para mostrar às potenciais clientes em espaços de beleza e até festas infantis. Tudo devidamente registrado em detalhes no seu blog.

Com o tempo, passou a fazer uma espécie de Fashion Day em salões de festas: "levava arara, roupas e organizava o que eu serviria. Ficava aflita se as pessoas realmente iriam. E elas foram". Atualmente, Thais tem mais de 92 mil seguidores no Facebook e mais de 290 mil em dois perfis do Instagram. E até hoje é a modelo nas fotos de seu e-commerce, de forma a estabelecer identificação com as clientes.

Look do culto #euvistothaisrodrigues #comoumtrsóumtr

Uma publicação compartilhada por Como um TR só um TR (@thaisrodrigues) em

Deu tão certo que, além das reuniões com as "migas loucas", ela já tem outro projeto semelhante: a Turnê Thaís Rodrigues, que reúne as fãs da marca com festa, looks e conversas sobre a trajetória da TR. "Selfies, abraços e sorrisos é o custo do ingresso desses encontros", conta Thais.

Aprendizado dentro e fora de casa

Tamiris e Thais Rodrigues cresceram entre carreteis de linhas, retalhos e máquinas de costura, ajudando a mãe, Angela, que era costureira. Começaram a trabalhar muito cedo na confecção da mãe, que fornecia para marcas atacadistas de São Paulo. Aos 12 anos, Thais liderava uma equipe de bordadeiras, apesar da pouca idade. "Isso foi a base de tudo, me deu noção de qualidade, liderança, responsabilidade e o principal, amor por cada pontinho da agulha", conta.

Aos 13 anos, Tamiris começou a trabalhar como vendedora de loja e, três anos depois, Thais seguiu seus passos: primeiro como balconista e, depois, como bordadeira no Brás e no Bom Retiro, bairros paulistanos tradicionais por suas confecções. "Fui empolgada pela aventura de trabalhar fora, de ser reconhecida por isso. Mas percebi que o meu lugar era nos bastidores, na produção, no planejamento das peças, na pesquisa, e não nas vendas."

Coisas de irmãs

Aos 19 anos, Thais voltou a trabalhar com a mãe e percebeu que poderia produzir suas próprias peças. E foi a irmã, Tamiris, que percebeu que sua gêmea tinha talento para moda. "Desde criança sempre se interessou por moda, vivia com revistas na mão e qualquer retalho que achava pela casa, já sonhava com um look. Todas as brincadeiras eram relacionadas a sair, se arrumar, colocar um salto e estar bem vestida", relembra Tamiris.

#euvistothaisrodrigues 01/12 #reveillonthaisrodrigues

Uma publicação compartilhada por Tamiris Rodrigues (@tamirisrodrigues) em

Foi ela que notou que as pessoas comentavam sobre o visual da irmã e sempre perguntavam onde ela comprava seus vestidos. Na época, Thais, aos 19 anos, já fazia todos os seus looks, mas ainda não reconhecia as criações como potencial de negócio.

"Foi quando minha irmã me disse uma frase que me fez pensar em abrir uma marca: faz que eu vendo", completa Thais. Tamiris hoje é responsável pela área de vendas da TR e lidera o atendimento. Sob sua tutela, o projeto de expansão da marca prevê a abertura de mais sete lojas.

Fé na vida e nos negócios

Thais é casada há dez anos com André Luis, que assumiu o cargo de CEO da empresa que leva o nome dela. Eles se conheceram na igreja e foi amor à primeira vista: quatro meses após o primeiro encontro, estavam casados. E foi a mãe da estilista quem fez o vestido de noiva, um modelo de renda ajustadíssimo ao corpo e com decote geométrico.

Pais de Benjamin, de 5 anos, os dois se desdobram para conciliar as tarefas na empresa com a vida familiar. "Às vezes parece que não daremos conta, mas o abraço apertado que recebemos no final do dia demonstra que conseguimos", revela.

O casal tenta levar os princípios religiosos para os pilares da marca: "Acredito que os ensinamentos bíblicos expressam amor. Amor ao próximo, amor por nós mesmas. Por meio dos looks e da comunicação com nossas clientes, expressamos a importância e a valorização desse sentimento".

Moda