Topo

Cinco mensagens de autoestima e empoderamento no novo álbum de Beyoncé

Beyoncé e Blue Ivy - Youtube/Reprodução
Beyoncé e Blue Ivy Imagem: Youtube/Reprodução

Da Universa

19/07/2019 13h32

Nesta sexta-feira (19), Beyoncé lançou seu novo disco, "The Lion King: The Gift", inspirado na nova versão cinematográfica de "O Rei Leão", que chegou aos cinemas do Brasil na quinta (18). O álbum traz a sonoridade de diversos artistas africanos, além de poderosas mensagens sobre o empoderamento de mulheres e pessoas negras. A cantora ainda aproveitou para estrear um novo clipe para a faixa "Bigger", em que aparece ao lado da filha Blue Ivy Carter.

"Essa trilha sonora é uma carta de amor para a África e eu queria garantir que encontrássemos os melhores talentos da África e não apenas usar alguns sons e minha interpretação", conta Beyoncé, em entrevista para a rede ABC. "Nós criamos nosso novo gênero e eu sinto que essa trilha se torna visual na sua mente. É mais do que só música, cada canção conta uma história", explica a cantora.

Separamos cinco trechos inspiradores das novas letras de Beyoncé:

"BROWN SKIN GIRL"
Em uma parceria com o nigeriano WizKid e sua própria filha, Blue Ivy, Beyoncé celebra sua cor de pele e passa uma mensagem de autoestima para garotas negras.

"Você já se olhou no espelho recentemente?
Queria que você trocasse seus olhos comigo
Tem complexidade na sua pele
Mas ela brilha como um diamante
Eu amo tudo sobre você, desde seus cachos
Até suas curvas, seu corpo natural
Quando você aparece, todos notam
Porque você é linda"

"Esses homens vão se apaixonar por você e sua glória
Sua pele não é apenas escura, ela brilha e conta sua história
Continue dançando, eles não podem te controlar
Eles assistem e te adoram
Se algum dia duvidar, relembre do que sua mãe disse
Garotas da pele marrom
Vocês brilham como pérolas"

"BIGGER"
Na canção que abre o disco, Beyoncé se inspira no clássico "Circle of Life" e fala da importância da ancestralidade e de que como nos unimos por algo muito maior do que nós mesmos.

"Se você se sente insignificante, pense de novo
Acorde porque você faz parte de algo muito maior
Não somente um pontinho no universo
Ou uma palavra na Bíblia
Você é a palavra viva
Maior do que você, maior do que nós
Maior do que nos pintaram
Mas agora vemos e não é mais segredo"

"MOOD 4 EVA"
Ao lado do marido Jay Z e do ator e cantor Childish Gambino, que dá voz a Simba, Beyoncé fala sobre seu sucesso e sua origem, referenciando orixás africanos.

"Eu não me preocupo
Vocês se incomodam enquanto eu crio minhas filhas
Filhos de impérios, vocês me fazem rir
Continuem a lutar
O pai de meu bebê, da mesmo sangue de Ruanda
Você me desafiaria? Por que tentaria?
Eu sou Beyoncé Giselle Knowles-Carter
Eu sou a Nala, irmã de Yoruba
Oxum, Rainha Sheba, eu sou a mãe"

"MY POWER"
Acompanhada das cantoras africana Tierra Whack e Moonchild Sanelly, Beyoncé mostra sua força e usa símbolos da estética negra para representar seu poder

"Esse é o ritmo, essa é a luz
Esse é o calor, não é aquele permanente
Essa é a força, essa é a pele
Essa é a guerra, esse é o sangue
Na linha de frente, pronta para lutar
Vai correr para onde?
Tenho que proteger minhas tranças
Guardá-las num cofre
Não me faça voltar ao passado
Nunca vão tirar meu poder"

"SPIRIT"
Única música do disco a tocar durante o filme, "Spirit" serve como um estímulo para superar os problemas e adversidades, sabendo que sua força conseguirá te salvar dos perigos. No clipe, a cantora usou look luxuoso de uma marca brasileira.

"A água bate forte
Você tenta manter sua cabeça erguida
Mas enquanto você treme, a magia acontece
E as estrelas se reúnem em volta de você"

"Se levante
Deixe a luz levantar seu coração
Acenda sua chama através da noite
Espírito, veja o céu se abrindo
Espírito, consegue ouvir o chamado?"

Mais Autoestima