Topo

Direitos da mulher


Apenas 3% dos filmes de animação foram dirigidos por mulheres desde 2007

Cena do curta "Bao", da Pixar, dirigido por Domee Shi - Reprodução
Cena do curta "Bao", da Pixar, dirigido por Domee Shi Imagem: Reprodução

Da Universa

11/06/2019 10h08

Cada vez mais em evidência, a indústria da animação ainda sofre com a falta de inclusão de mulheres em suas produções. Principalmente a de negras, como aponta recente relatório da USC Annenberg Inclusion Initiative em parceria com a Women in Animation nos Estados Unidos.

O estudo analisou a prevalência de mulheres em posições relevantes no cinema e na tevê, em grandes estúdios. Além disso entrevistou mais de 75 profissionais da indústria para conhecer melhor essa realidade.

Apenas 3% da direção de filmes animados dos últimos 12 anos eram de mulheres. Já na tevê, esse número sobe para 13%.

Negras ainda estão fora

O estudo revela que apenas 5% dos produtores de filmes animados eram mulheres negras. Na direção de filmes, apenas uma negra e na TV, somente três.

Boas notícias

Apesar de dados ainda desanimadores, há alguma esperança. Quase metade dos executivos em animação e metade das posições mais poderosas em companhias de animação e estúdios são mulheres. Nos últimos 12 anos, 37% dos produtores de animações foram mulheres.