PUBLICIDADE

Topo

Direitos da mulher

79% de líderes empresariais acham que promover mulheres não é prioridade

iStock
Imagem: iStock

Da Universa

08/03/2019 17h09

Segundo uma pesquisa feita pela IBM, empresa dos Estados Unidos voltada para a área de informática, a promoção das mulheres ainda não é uma prioridade para 79% dos líderes empresariais globais.

O estudo global Women, Leadership and the Priority Paradox (Mulheres, liderança e paradoxo da prioridade), realizado por meio do IBV (Institute for Business Value) em parceria com a Oxford Economics, revelou que apenas 18% dos cargos de liderança dentro das organizações pesquisadas são ocupados por mulheres.

Para isso, foram entrevistados 2,3 mil executivos e profissionais de diversos setores, homens e mulheres, na mesma quantidade, em organizações de todo o mundo, incluindo o Brasil.

A pesquisa identificou ainda que 79% dos entrevistados não priorizaram formalmente a promoção da igualdade de gênero em posições de liderança dentro de suas organizações, apesar de existirem evidências de que isso favorece o sucesso financeiro e melhor vantagem competitiva no mercado de trabalho.

O relatório mostra que os homens ignoram as diferenças de oportunidades no trabalho. 65% dos executivos do sexo masculino relataram que a probabilidade de ser promovido a uma posição de liderança teria sido igual, mesmo se fossem mulheres -- apesar do baixo número de mulheres que atualmente ocupam esses cargos.

Direitos da mulher