PUBLICIDADE

Topo

Moda

V.Rom brinca de Carnaval e coloca sócio Ricardo Mansur para desfilar no Parque da Luz

Rico Mansur, novo sócio da V.Rom, desfila para a marca - Alexandre Schneider/UOL
Rico Mansur, novo sócio da V.Rom, desfila para a marca
Imagem: Alexandre Schneider/UOL

CAROLINA VASONE<br>UOL Estilo

15/07/2006 13h17

A V.Rom já brincou com o futebol, com vício pelo chocolate. Neste verão, brinca de Carnaval.



Com o cenário do Parque da Luz e bandinha tocando marchinhas carnavalescas no coreto restaurado do bonito endereço no centro de São Paulo, a marca usou como idéia as fantasias típicas do Carnaval de antigamente para criar uma coleção de streetwear com muitas bermudas, camisas, calças e paletós com detalhes de personagens clássicos do imaginário de qualquer garoto.



Assim, o índio - aquele estilo americano, cuja fantasia era clássica - apareceu nos bordados de miçanga na lateral da calça ou no detalhe da camisa. O pirata, na estampa da camiseta e no paletó com tachinhas aplicadas nos ombros. O havaiano ganhou, além do colar, um conjunto vermelho com floral meio manchado, com calça seca e paletó. O paletó, aliás, apareceu bastante na coleção, mas sempre com a descontração (estampado, amassado no linho) típica do streetwear da marca.



O branco ganhou destaque na coleção, em looks de linho monocromáticos ou misturado a listras em tons de rosa e verde.



As silhuetas oscilavam entre mais ajustadas nas calças e bem soltas nas muitas bermudas, uma porção delas estilo cargo ou com bolsos grandes atrás. Apesar dos momentos mais justinhos, a imagem do desfile é bem relaxada, trazendo um homem à vontade porém menos "arrasador de quarteirão" em relação às outras coleções.



No final da apresentação, o mais novo sócio da marca, Ricardo Mansur, fez as vezes de modelo e encerrou o desfile inteiro de branco.

Moda