Conteúdo publicado há 2 meses

EUA realizam primeiro pouso na Lua em mais de 50 anos

O módulo Odysseus, da empresa privada americana Intuitive Machines, conseguiu pousar na superfície da Lua em uma missão realizada hoje.

O que aconteceu

O Odysseus pousou às 20h23 (horário do Brasil). Nas redes sociais, a Nasa celebrou o pouso. "O módulo lunar não tripulado pousou às 18h23 [horário local], trazendo a ciência da Nasa para a superfície da Lua. Estes instrumentos irão preparar-nos para a futura exploração humana da Lua", diz texto publicado no X (antigo Twitter).

Essa é a primeira descida controlada à superfície lunar por uma espaçonave dos EUA desde 1972, com a Apollo 17. Esta foi a última missão lunar tripulada da Nasa, com os astronautas Gene Cernan e Harrison Schmitt.

Controladores de voo receberam um sinal da cápsula. "Podemos confirmar sem dúvida alguma que nossa equipe está na superfície da Lua, e estamos transmitindo", declarou Tim Crain, da Intuitive Machines, durante a transmissão ao vivo em vídeo da empresa.

A sonda foi lançada no dia 15 de fevereiro. A espaçonave não tripulada entrou em órbita na quarta-feira, seis dias após ter sido lançada por um foguete SpaceX Falcon 9 da Flórida.

A Odysseus permaneceu "em excelente estado" enquanto continuava a orbitar a Lua, a cerca de 384.000 km da Terra, transmitindo dados de voo e imagens lunares para o centro de controle de missão da Intuitive Machines em Houston, informou a empresa.

O veículo está carregando um conjunto de instrumentos científicos e demonstrações de tecnologia para a Nasa. A carga se concentrará na coleta de dados sobre as interações do clima espacial com a superfície da Lua, radioastronomia e outros aspectos do ambiente lunar para futuros pousos e o retorno planejado de astronautas da Nasa no final da década.

Primeira missão privada a ser bem-sucedida em um pouso na Lua. O sucesso do Odysseus também seria o primeiro "pouso suave" na Lua por um veículo fabricado e operado por uma empresa particular e o primeiro sob o programa lunar Artemis da Nasa, uma vez que os EUA correm para levar astronautas de volta ao satélite natural da Terra antes que a China pouse sua própria espaçonave tripulada lá.

Continua após a publicidade

Até hoje, naves espaciais de apenas quatro outros países já pousaram na Lua. São eles a antiga União Soviética, a China, a Índia e, mais recentemente, no mês passado, o Japão. Os Estados Unidos são os únicos que já enviaram seres humanos à superfície lunar.

A Nasa pretende pousar sua primeira missão Artemis tripulada na Lua no final de 2026 como parte de uma exploração lunar de longo prazo. A iniciativa se concentra no polo sul da Lua, em parte porque há uma suposta abundância de água congelada que pode ser usada para suporte à vida e produção de combustível de foguete.

*Com informações da Reuters e AFP

Deixe seu comentário

Só para assinantes