PUBLICIDADE
Topo

Tá caro? Compare os preços dos novos iPhones 12 com os concorrentes

Lucas Carvalho

De Tilt, em São Paulo

14/10/2020 04h00

A Apple anunciou nesta terça-feira (13) uma linha nova de iPhones 12 com preços que começam entre US$ 699 até US$ 1.099. Os valores no Brasil ainda não foram confirmados, mas com o dólar nas alturas e o reajuste sofrido pelos modelos antigos, podemos esperar preços salgados para esta nova geração no país.

Mas, afinal, o iPhone 12 é realmente caro? Para colocar os preços dos novos celulares em perspectiva, comparamos os modelos anunciados ontem com seus principais concorrentes nos EUA e mostramos quanto eles custam no Brasil.

Usamos como base os preços oficiais anunciados pelas fabricantes e sem considerar o valor cobrado em lojas como Best Buy e Amazon, que muitas vezes podem aplicar descontos sobre o valor sugerido. Além disso, usamos os preços de lançamento de cada produto, que podem ter caído de lá para cá.

iPhone 12 e 12 Mini

Dos quatro aparelhos anunciados hoje pela Apple, a principal dupla é a do iPhone 12 e o seu irmão mais enxuto, o iPhone 12 Mini.

  • iPhone 12: US$ 799
  • iPhone 12 Mini: US$ 699

O preço do modelo principal chega numa faixa considerada intermediária, já que possui concorrentes mais caros e mais baratos a julgar pela ficha técnica. O modelo Mini, se considerar que estamos falando de uma tela de alta qualidade (Oled) e o processador mais rápido da Apple (A14), chega bem competitivo. Veja os mais próximos dessa faixa de preço:

O Google Pixel 5, por exemplo, também possui duas câmeras traseiras e tela Oled, mas o processador não é tão veloz. Já o Galaxy S20 FE preserva o chip mais poderoso para competir com o do iPhone, mas tem um corpo de plástico em vez de vidro.

iPhone 12 Pro e 12 Pro Max

Já entre os superpoderosos da família Pro, a concorrência é maior. Assim como os antecessores, que saíram de linha hoje, os iPhones 12 Pro e 12 Pro Max chegam custando mais de mil dólares.

  • iPhone 12 Pro: US$ 999
  • iPhone 12 Pro Max: US$ 1.099

Mas esta é uma barreira que o mercado já não tem mais vergonha de ultrapassar. Vários concorrentes do iPhone entre os celulares mais caros do mercado chegam a custar bem mais de mil dólares, chegando ao Brasil por entre R$ 5.000 e até R$ 8.000, dependendo da configuração escolhida. Veja alguns exemplos:

O OnePlus Pro é considerado um dos melhores celulares em custo-benefício no mercado dos EUA, com ficha técnica de ponta e preço abaixo dos mil dólares, mas não é vendido no Brasil. Já a linha Galaxy S20, Galaxy Note 20 e as respectivas versões Ultra custam mais de R$ 5.000 por aqui, o que pode dar uma ideia de quanto os novos iPhones vão custar.