PUBLICIDADE

Topo

Fall Guys: a viciante mistura de battle royale com Olimpíadas do Faustão

Fall Guys é caótico, colorido e, acima de tudo, muito divertido - Divulgação
Fall Guys é caótico, colorido e, acima de tudo, muito divertido
Imagem: Divulgação

Makson Lima

Colaboração para o START

01/08/2020 04h00

No último final de semana aconteceu o Technical Beta (e fechado) de Fall Guys: Ultimate Knockout, a nova loucura deliciosamente viciante trazida pela Devolver Digital e desenvolvida pela britânica Mediatonic, de Gears POP! e Hatoful Boyfriend. START teve acesso a bagunça, que chega como um dos jogos grátis na PS Plus de agosto e no Steam no dia 4 do mesmo mês. Se chegará para mais plataformas no futuro, com direito a crossplay e tudo mais? Oremos.

É um deleite completo quando um jogo é, de fato, exatamente como os vídeos promocionais e o material de marketing o venderam: são sessenta competidores nas mais diversas provas para chega até um único vencedor. Simples, de fácil acesso e entendimento, e capaz de evocar os melhores/piores sentimentos no coração de cada ser humano.

Battle Royale do Faustão

De Olimpíadas do Faustão a prova final do Passa ou Repassa e todo aquele amálgama colorido e estranhamente reconfortante dos programas de auditório japoneses (que é de onde tudo isso vem, é bom deixar claro), Fall Guys apresenta tais conceitos a uma nova geração, enquanto pega pesado na nostalgia de quem não é mais tão jovem assim. Funcionará para ambos? Acredito que sim.

No tão familiar formato do Battle Royale, só que sem o mapa extenso, as armas de fogo e a redoma afunilante, Fall Guys nada mais é que um apanhado de minigames dos mais diversos tipos e formas, sorteados no início de cada rodada, que variam em quantidade, e cujo único objetivo final é deixar apenas um fora da lama.

Vencer significa ganhar pontos para comprar cacarecos para seu boneco, tipo uma roupa ros choque listrada, patas de lobo ou kigurumi de pombo. Aliás, fiz de tudo para manter a devida distância desses pombos, pois o nível era razoavelmente alto para conseguir a exótica indumentária. Tais vestimentas não alteram em absoluto as capacidades dos personagens, que se resume em correr, pular e agarrar coisas, tipo a cauda do amiguinho.

Fall Guys 1 - Makson Lima/Start - Makson Lima/Start
Imagem: Makson Lima/Start

Multiplayer mayhem

Durante as diversas horas testadas no beta, foram poucos os problemas, tipo de desconexão enquanto aguardava que mais cinquenta e nove participantes adentrassem a competição. E durante as provas, tudo correu bem, espelho de que o produto final chegará funcional e tinindo.

Não saberia dizer exatamente quantas foram as provas, mas foram muitas, a ponto de jamais me cansar de qualquer uma delas e até torcer para que outras fossem sorteadas, tipo a dos enormes cilindros rotativos. Fall Guys ou exige que cheguemos até uma linha de chegada, ou que nos mantenhamos sobre plataformas pelo máximo de tempo possível, ou então (e esses são os mais críticos) que trabalhemos em grupo para, por exemplo, conseguir mais caudas até o tempo acabar.

As provas de sobrepujar obstáculos, como plataformas voadoras e rotativas, tobogãs e suas bolas gigantes ou ainda quando é preciso se posicionar sobre a marcação no chão correspondente a fruta mostrada num telão, funcionam como um belo jogo de plataforma em 3D e todas as suas artimanhas, só que com outros tantos malucos correndo desesperadamente ao seu lado, com física de boneco de testes e movimentos limitados.

Fall Guys 2 - Makson Lima/Start - Makson Lima/Start
Imagem: Makson Lima/Start

Rodada após rodada, mais e mais participantes são eliminados (e podem continuar assistindo da perspectiva dos vencedores) e a quantidade de provas disponíveis no sorteio vão se tornando mais e mais limitadas. A decisiva, normalmente, diz sobre ser o último a cair na lama, e isso significa ir de plataforma em plataforma, que somem ao contato, evitando (ou atrapalhando) os outros competidores.

Para todas as idades

Ri, gritei, me emocionei e esbravejei em iguais medidas durante todo o Technical Beta de Fall Guys: Ultimate Knockout, atestado de que, sem dúvida, voltarei para mais quando o produto final for lançado. Só joguei com desconhecidos e sem qualquer tipo de comunicação, logo, será ainda mais catártico com amigos e toda a euforia trazida daí.

O pandemônio online trazido pelo tetris humano (ou de bonecos) é real. Pode apostar que sim. E se Fall Guys terá vida longa? Um "temporada 1" mostrado nos menus do beta indica que sim. Mais provas chegando com o tempo, mais formas de personalizar nosso boneco e mais oportunidades para conseguirmos aquela maravilhosa vestimenta do Doutor Freeman, me parece ideal.

No site do jogo, https://fallguys.com, há bastante conteúdo e interação com a comunidade. O potencial é imenso para fazer de Fall Guys um dos multiplayers mais divertidos do ano, pois o produto base já se prova imensamente divertido.

Fall Guys: Ultimate Knockout

SIGA O START NAS REDES SOCIAIS

Twitter: https://twitter.com/start_uol
Instagram: https://www.instagram.com/start_uol/
Facebook: https://www.facebook.com/startuol/
TikTok: http://vm.tiktok.com/Rqwe2g/
Twitch: https://www.twitch.tv/start_uol