Topo

Radar


Criadores de "Dead Cells" não querem fazer continuação do jogo

"Dead Cells" já vendeu mais de 2 milhões de cópias - Divulgação
"Dead Cells" já vendeu mais de 2 milhões de cópias Imagem: Divulgação

Bruno Izidro

do START, em São Paulo

27/06/2019 15h04

"Dead Cells" é o clássico "sucesso de crítica e público". O game foi bastante celebrado por fãs de metroidvania e roguelike (com razão) e, recentemente, o estúdio Motion Twin revelou que o game vendeu mais de 2 milhões de cópias. São motivos suficientes para uma continuação, certo? Não para os criadores.

O game designer do jogo, Sébastien Benard, revelou ao START que o estúdio não sabe qual será o próximo projeto deles, mas com certeza não será "Dead Cells 2". "Achamos que já fomos bem-sucedidos com 'Dead Cells' e agora só queremos experimentar coisas novas".

O desenvolvedor está no Brasil para participar do BIG Festival 2019, evento de games independentes que acontece até domingo (30) em São Paulo.

Sébastien foi o game designer de Dead Cells - André Lucas/UOL
Sébastien foi o game designer de Dead Cells
Imagem: André Lucas/UOL

Para justificar a decisão de não fazer uma continuação para "Dead Cells", Benard diz que a Motion Twin se inspira bastante na desenvolvedora Klei Entertainment ("Mark of the Ninja" / "Don't Starve"), em não ficar presa a um mesmo estilo de game. "Acho que eles fazem a coisa certa, que é não repetir o mesmo jogo sempre"

Não queremos ser conhecidos só por criar roguelikes de plataforma
Sébastien Benard, do estúdio Motion Twin

Por enquanto, a Motion Twin está em fases iniciais de seu novo jogo, experimentando diversos caminhos, como jogos de voo, de ação e até RPG, segundo o game designer.

"Dead Cells" recebeu recentemente uma expansão gratuita, chamada "Rise of the Giant", que adiciona novos itens, áreas e mais narrativa para a história. O game também ganhará uma versão mobile, que está programada para sair em 17 de julho, primeiro para iOS, e posteriormente para Android.

Radar