PUBLICIDADE
Topo

'Hamilton', 'O Rei Leão' e 'Wicked' anunciam que Broadway está de volta

Broadway: "Hamilton", "O Rei Leão" e "Wicked" anunciaram que voltarão aos palcos - Divulgação
Broadway: 'Hamilton', 'O Rei Leão' e 'Wicked' anunciaram que voltarão aos palcos Imagem: Divulgação

Jill Serjeant

11/05/2021 15h52

Três dos maiores musicais da Broadway — "Hamilton", "Wicked" e "O Rei Leão" — anunciaram hoje que voltarão aos palcos em setembro, juntando-se a dezenas de outros shows que serão retomados em Nova York após 18 meses de paralisação devido à pandemia.

O espetáculo teatral da Disney "Aladdin" e o musical "Jagged Little Pill", de Alanis Morissette, também anunciaram datas para o final de setembro e outubro, enquanto os produtores de um novo musical sobre Michael Jackson disseram que "MJ" vai estrear no início de 2022.

Outdoors na Times Square, o coração do teatro de Nova York, se iluminaram nesta terça-feira com cartazes que diziam: "A Broadway está de volta", quando as datas de reabertura foram anunciadas.

Os ingressos para alguns dos espetáculos já estão à venda.

Os produtores de "Hamilton", "O Rei Leão" e "Wicked" disseram esperar que o anúncio "envie a mensagem de que a Broadway está unida em seu compromisso de encerrar um período devastador de dificuldades para as dezenas de milhares de pessoas que ganham a vida diretamente dos espetáculos da Broadway e para as dezenas de milhares nas indústrias dependentes".

O governador de Nova York, Andrew Cuomo, disse na semana passada que os teatros poderiam receber 100% de sua capacidade, mas não ficou claro imediatamente se o público teria de estar totalmente vacinado ou quais outras medidas de segurança contra o coronavírus seriam necessárias nos teatros.

Os espetáculos da Broadway, grande atração turística, geraram cerca de 1,8 bilhão em receitas de bilheteria na temporada 2018-2019, com mais da metade dos ingressos adquiridos por turistas.

Ainda não foram anunciadas datas para o retorno das principais peças da Broadway, incluindo a versão teatral de "To Kill a Mockingbird", que geralmente são menos atraentes para os turistas.