Conteúdo publicado há 27 dias

Com 16 graus, moletom e gorro amarelo é o look do show de 'AmarElo' em SP

O show "AmarElo - A Gira Final" de Emicida doi marcado pelo frio neste sábado (25), no Parque Ibirapuera. Com os termômetros marcando os 16 graus, o público tirou o moletom e o gorro amarelo do armário.

O que aconteceu

Na entrada do evento, um grupo de ambulantes vende capas de chuva por R$20,00. A frente fria atingiu a cidade depois de semanas de sol e altas temperaturas na capital.

O clima "esfriou" o público durante as primeiras apresentações da abertura do evento. Apesar dos 15 mil ingressos vendidos, a Discopédia, comandada por DJ Nyack e Nanan, contou com poucas pessoas.

Em seguida, DJ Sophia, idealizadora do Baile da Sophia, embalou clássicos do rap nacional e internacional para uma plateia retraída. Ainda assim, as apresentações foram marcadas por um setlist evocado de hits de artistas negros da música negra brasileira e internacional, tais como Racionais, Sabotage, Djonga, Lauryn Hill e Ciara.

"O frio deixou vocês retraídos. Sei que estão guardando energia para mais tarde, mas mesmo assim senti a alegria de vocês", disse a DJ no palco após a apresentação.

Larissa Arcanjo, 24, designer, curte  AmarElo
Larissa Arcanjo, 24, designer, curte AmarElo Imagem: Beatriz Mazzei/UOL

AmarElo - A Gira Final

Para Emicida, "AmarElo" é mais do que um disco, é um experimento social. Com 11 faixas, o trabalho foi responsável por impulsionar a carreira do artista e aproximá-lo de outras vertentes musicais como o samba, o rock e a bossa nova, que é presente na sonoridade do artista e do álbum. O trabalho venceu o Grammy Latino na categoria de melhor álbum de rock ou música alternativa em língua portuguesa, em 2020.

Continua após a publicidade

O espetáculo "AmarElo" levou para o mundo um disco que Emicida chama de "experimento social". Foi realizado 120 vezes, passou por 9 países e 55 cidades.

A turnê "AmarElo - A Gira Final" passa por de norte à sul do Brasil, por 12 cidades.

O show já aconteceu em Belo Horizonte (08 e 09 de abril) com ingressos lotados; Porto Alegre (6 de abril); Brasília (12 de abril); Goiânia (13 de abril); Recife (26 de abril); Salvador (11 de maio) e Rio de Janeiro (18 de maio). Depois deste fim de semana em São Paulo (25 e 26 de maio), a turnê passa por Florianópolis (21 de junho, na Arena Opus); Curitiba (22 de junho, na Live Curitiba); e Belém (28 de junho, no festival Ambienta).

Vitória Santiago, 20, mensageira, curte AmarElo em SP
Vitória Santiago, 20, mensageira, curte AmarElo em SP Imagem: Beatriz Mazzei/UOL

Deixe seu comentário

Só para assinantes