Conteúdo publicado há 28 dias

Cover de Roberto Carlos sobre cancelamento: 'Se ele não vier, estamos aqui'

Antônio Tadeu, 72, fez um "cosplay" de Roberto Carlos e cantou músicas do famoso após o cancelamento do show que aconteceria no Pacaembu na sexta-feira (19), em São Paulo. Em entrevista a Splash, detalhou sobre o sentimento pelo artista.

O que aconteceu

Fã do Rei há 60 anos, ele diz que as canções 'Detalhes' e 'Outra Vez' são as mais marcantes. "Realmente, a primeira música que ouvi do Roberto já gamei, aí comecei já a curtir o Roberto. [Faz] praticamente uns 60 anos que eu curto. Tenho os discos, tem muitas músicas que me marcaram, 'Detalhes', 'Outra Vez', até hoje, quando canto, realmente me emociono", pontuou.

Cantando com a alma, com o coração, porque o Roberto faz isso. Se tiver uma namorada, nem precisa mandar uma carta para ela, você pega uma música do Roberto, manda e está resolvida a situação. Roberto é isso: é vida, paixão, amor, romantismo.

Antônio Tadeu não perdeu a esperança e revelou que contava com a aparição do ídolo, mesmo com o impasse de segurança na apresentação. "Estou esperando que ele venha, mas fazer o quê? Se não vier, não tem problema, nós estamos aqui", concluiu.

Show cancelado no Pacaembu

Depois de uma queda de braço entre prefeitura e organização por problemas de segurança, a concessionária confirmou que o evento não vai acontecer. "A Concessionária Allegra Pacaembu e a Four Even, no intuito de cumprir as determinações da prefeitura de São Paulo, informam que o show que seria realizado na data de hoje, 19 de abril de 2024, com o cantor Roberto Carlos, não será realizado. Mais informações sobre uma eventual nova data para o show, serão disponibilizadas nos canais oficiais da produtora do evento e da concessionária", informaram em nota.

A prefeitura chegou a ir ao estádio para interditá-lo após a insistência da empresa em manter o show, mesmo com veto. A assessoria do cantor ainda não se manifestou.

O Procon-Sp indicou que o consumidor pode pedir ressarcimento pelas inseguranças com a realização ou não do show de Roberto Carlos. "Em função de consultas relacionadas à falta de definição em relação ao evento. Não havendo aval das autoridades, mesmo que o show aconteça, o consumidor pode pedir reembolso, uma vez que ele não é obrigado a colocar em risco sua segurança", esclareceu.

Falhas de segurança citadas pelo Corpo de Bombeiros

Casa de bombas de incêndio não estava compartimentada;

Continua após a publicidade

Não havia dados de vazão e pressão das bombas de hidrante e chuveiros automáticos;

O sistema de hidrantes estava despressurizado;

As caixas de elevadores estão abertas, não foram instalados e não estão compartimentados;

Havia rotas de fuga obstruídas por andaimes instalados no piso de descarga;

Os sistemas de ventilação e extração de fumaça não foram instalados;

Os dutos de ventilação não estavam instalados;

Continua após a publicidade

As portas de corta-fogo previstas em projeto não estavam instaladas.

Deixe seu comentário

Só para assinantes