Conteúdo publicado há 1 mês

Quem matou Taís? Público reage ao assassinato da vilã: 'Morreu linda'

No capítulo de terça-feira (16), da reprise de "Paraíso Tropical" (Globo), Taís (Alessandra Negrini) foi assassinada misteriosamente.

O que aconteceu

A vilã estava no apartamento de Daniel (Fábio Assunção) quando recebeu uma visita misteriosa. O mocinho chega em sua casa e encontra o gás ligado e a irmã de sua esposa caída no chão.

No último capítulo será revelado ao público que o assassino de Taís é Olavo (Wagner Moura). O amante de Bebel (Camila Pitanga) revela que matou a gêmea má por ela ter descoberto que Ivan (Bruno Gagliasso) era filho biológico de Antenor (Tony Ramos).

Por causa da sequência decisiva, "Paraíso Tropical" foi muito comentada no X (antigo Twitter). "Uma lenda se foi: Taís Grimaldi está morta, jamais será esquecida", escreveu um internauta.

Alguns fãs celebraram Taís como uma de suas vilãs favoritas da teledramaturgia. "Uma das minhas vilãs preferidas das novelas é a Taís. Impulsiva, atrapalhada, burrinha, fracassada em todos os seus planos, mas de um carisma absurdo. Não achei justo ela terminar a novela morta. Suas 'maldades' eram levinhas, merecia ter terminado rica e feliz", disse um telespectador. 'Taís morreu linda de bonita com esse look', elogiou outro.

Outros internautas falaram sobre o fato de Olavo ser o assassino. "Um detalhe nessa morte da Taís é que levantaram um monte de suspeitos, mas na época poucos pensaram que pra matar alguém com liberação de gás era alguém que não se importava com mais ninguém, pq o prédio podia explodir, logo o único capaz diss só o Olavo", analisou uma telespectadora.

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

A reprise de "Paraíso Tropical", novela de 2007, escrita por Gilberto Braga e Ricardo Linhares, vai ao ar de segunda a sexta, às 17h05, na Globo.

Deixe seu comentário

Só para assinantes