Conteúdo publicado há 2 meses

Preta Gil inicia fisioterapia e compartilha vídeo após cirurgia

Preta Gil, 49, afirmou que começou sua fisioterapia nesta sexta-feira (1). A notícia foi dada através do seu perfil no Instagram.

O que aconteceu

A cantora passou por uma cirurgia para retirar a bolsa de ileostomia. No quarto do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, Preta Gil compartilhou um vídeo realizando exercícios de fisioterapia.

O caso da cantora

Em agosto, a artista realizou uma cirurgia para retirada de um tumor no reto e ficou internada há 28 dias, no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo.

"A tão sonhada alta chegou. Foram 28 dias de internação. Dias desafiadores, onde tive que lidar com muitas coisas difíceis, mas, ao mesmo tempo, rodeada de competência e amor, muito amor", comemorou quando recebeu alta.

Câncer no intestino

Preta foi diagnosticada um câncer no intestino, no início do ano. A quimioterapia foi a primeira fase do tratamento. Ela optou por ficar internada ao invés de fazer a quimio em casa: "Muita gente pode ir com uma bombinha para casa, uma bombinha de infusão de um medicamento, mas eu prefiro fazer no hospital por conta dos enjoos, da tontura, me sinto mais segura."

Em abril, os médicos decidiram parar a quimio e iniciar a radioterapia: "Eu de fato melhorei demais o meu estado de saúde. Foi uma semana em que eu me recuperei em casa e isso faz toda a diferença [...] os médicos resolveram que não vou mais fazer quimioterapia e que vou partir direto para a radioterapia."

Continua após a publicidade

Essas duas primeiras etapas tinham o objetivo de diminuir o tumor para facilitar a cirurgia. Preta Gil fez a última sessão de radioterapia em junho e, depois, passou um período descansando com a família e se preparando para o procedimento.

Após a operação, Preta passou um período usando uma bolsa de colostomia: "A gente tem muito esses monstros: ai, meu Deus, a bolsa. Mas os médicos me mostram como é, como faz. Para tudo na vida a gente tem uma solução, tem que manter o otimismo", contou em entrevista à Ana Maria Braga.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes

As mais lidas agora