Conteúdo publicado há 4 meses

Rodrigo Simas explica se recusou papel no remake de 'Renascer'

Segundo o jornal Extra, Rodrigo Simas, 31, faria um dos filhos de Zé Inocêncio no remake de "Renascer", que substitui "Terra e Paixão" em janeiro na Globo.

Na manhã de quinta (14), o Extra informou que o ator teria recusado o papel ao saber que morreria no meio da novela. O personagem em questão seria Zé Venâncio, vivido por Taumaturgo Ferreira na primeira versão, de 1993. Na trama original, ele morre em uma emboscada.

Após ser muito questionado, Simas decidiu se pronunciar sobre o assunto no Instagram. "Sério, eu não aguento mais todo mundo me perguntando", inicia ele o vídeo.

O namorado de Agatha Moreira explica que não havia nada acertado ainda. "Saiu uma matéria dizendo que eu recusei papel em 'Renascer', na verdade não recusei porque não tinha nada certo ainda", afirma ele.

Rodrigo complementa que não recusaria um personagem se ele fosse bom, mesmo que morresse cedo. "E não é porque morreria na metade da novela que eu recusaria. Se o personagem for bom pode morrer no primeiro capítulo", diz.

Ele finaliza o vídeo com bom humor e diz que queria mostrar o bigodinho. "Mas na verdade eu fiz tudo isso pra mostrar meu bigodinho", conclui rindo.

Na manhã de quarta (13), o jornal Extra também confirmou a escalação da atriz trans Gabriela Medeiros para viver a personagem intersexo Buba. Após a notícia, a artista celebrou nas redes sociais: "Será um imenso prazer dar vida a essa personagem tão especial."

"Renascer" tem previsão de estreia no horário nobre da Globo para janeiro de 2024. Bruno Luperi, neto do autor original Benedito Ruy Barbosa, é o responsável pela adaptação do texto do avô, como já aconteceu com "Pantanal". A direção artística é de Gustavo Fernandez, também o mesmo da trama de Juma Marruá.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes