PUBLICIDADE
Topo

Supla: 'Faço política nas minhas letras, nas coisas em que acredito'

Colaboração para Splash, do Rio

16/06/2022 04h00

Convidado da semana no "OtaLab", o cantor Supla contou para Otaviano Costa qual foi a inspiração para uma de suas novas músicas, "Eles Querem que eu Seja um Político".

Ota lembrou que o papito convive com a política desde criança com os pais, Eduardo e Marta Suplicy, que têm décadas de vida pública. "Já te convidaram pra ser vereador? Você já quase se vestiu de político?", quis saber o apresentador.

Os convites já vieram, mas Supla desviou deles. "Por ter pais políticos, toda eleição o pessoal do partido do meu pai vinha com essas perguntas: 'por que você não se candidata?'"

Mas eu já faço política nas minhas letras, nas coisas em que eu acredito. Quem acompanha o meu trabalho sabe que eu não tenho papas na língua, tanto pra esquerda como pra direita, na forma de pensar.

Mas, de tanto receber convites para entrar na política partidária, Supla resolveu responder como sabe. "Respondi em forma de música: Eles querem que eu seja um político / Isso seria quase um suicídio".

Até porque, como figura pública, Supla sabe que precisa ser responsável com o que diz e faz.

Meu pai me disse: 'o jeito que você faz a sua política, expõe suas ideias, já influencia muita gente. Então eu já me considero político, de certa forma. Mas, quando você é um artista ou influenciador, é uma coisa. Se você é um político mesmo as coisas mudam.

OtaLab

O "OtaLab", o programa de internet que parece TV, pode ser acompanhado pelos canais do Splash no YouTube, Twitter e Facebook. Você pode assistir a toda a programação do Canal UOL aqui.