PUBLICIDADE
Topo

Por onde anda Darlan Cunha, o Laranjinha de 'Cidade dos Homens'?

Darlan Cunha atuou ao lado de Douglas Silva, do BBB 22, em "Cidade dos Homens" - Instagram/@darlancunha
Darlan Cunha atuou ao lado de Douglas Silva, do BBB 22, em 'Cidade dos Homens' Imagem: Instagram/@darlancunha

Colaboração para Splash, em São Paulo

28/01/2022 15h03Atualizada em 28/01/2022 19h13

Cenas em que aparecem Darlan Cunha no filme "Cidade de Deus" e na série "Cidade dos Homens" foram vistas na festa do líder Douglas Silva no "BBB 22" (TV Globo). Os trechos foram exibidos porque o tema da balada era o universo do cinema e da TV, e os dois atores atuaram juntos nas obras.

Em "Cidade dos Homens", Douglas e Darlan deram vida a uma das duplas mais memoráveis da dramaturgia nacional, com Acerola e Laranjinha. Mas, enquanto Douglas está no reality show, por onde anda Darlan?

Problemas na justiça

Em 2013, o ator foi acusado de violência doméstica por sua ex-namorada, que, na época, era menor de idade. Ela alegou que havia sido agredida e mantida em cárcere privado pelo então parceiro.

A 15ª DP do Rio de Janeiro (Gávea) instaurou um inquérito para apurar os crimes de lesão corporal, com base na Lei Maria da Penha. No mês seguinte, porém, o advogado Marivaldo Sena contou que a jovem de 16 anos deu uma nova versão sobre o caso, encerrando o processo.

No entanto, em 2018, Darlan foi detido após ser abordado por polícias que constataram que ele possuía um mandado de prisão em aberto. Segundo João Henrique Tristão, o caso se deu a uma falha durante o encerramento do processo envolvendo a ex-namorada.

"A juíza concedeu, na ocasião, por ele ser réu primário, o Sursis penal [Suspensão condicional da pena]. Acontece que ele teria que comparecer a uma audiência para esse benefício poder valer. Por uma falha do oficial de Justiça, que não localizou seu endereço no Vidigal, onde ele mora, ele não foi avisado, e o juiz revogou o benefício e expediu o mandado de prisão", explicou Tristão.

O ator ficou uma semana preso na cadeia de Benfica, na zona norte da cidade, e foi condenado a três meses em regime aberto, passando a ser monitorado com uma tornozeleira eletrônica.

Violência e tráfico

Em 2019, Darlan deu uma entrevista na qual falou sobre a criminalidade no Rio de Janeiro, onde vive. "Ainda passo [por violência] diariamente. Ou é com alguém que conheço, conhecido de alguém que conheço", contou. "Esses dias, morreu um amigo em Ipanema, durante um assalto [o amigo era o assaltante]. Mas vejo mais gente inocente morrendo do que bandido".

O ator considera que a violência policial recai especialmente sobre a população mais pobre e citou a morte da menina Ághata, de oito anos, vítima de bala perdida dentro de uma kombi, no Complexo do Alemão. "Agora tem autorização para matar. Os policiais envolvidos não quiseram ir à reconstituição da morte da Ágatha. É uma loucura", criticou.

Já em 2021, em entrevista ao canal do YouTube "Na Real", Darlan falou: "Sempre tive contato com o crime. Meu pai era bandido, meus tios eram também bandidos, meus amigos de escola viraram traficantes. Mas nunca me envolvi".

"Já usei drogas, mas eu sempre tive pânico e medo. Meu pai virou bandido para sustentar o vício dele em cocaína", acrescentou o ator.

Ele contou uma de suas memórias da infância: "Lembro que eu tinha dois anos, acordei, tomei café e perguntei para a minha tia onde estava o meu pai. Ela respondeu que estava na boca [de fumo] e falou para eu ir até lá ver ele. Fui andando, perguntando onde era a boca e um homem me pegou no colo e me levou. Eu me lembro do meu pai vendendo as drogas em uma mesa e eu sentado vendo".

Carreira como ator

Depois do sucesso de "Cidade de Deus" e "Cidade dos Homens", Darlan seguiu focado na atuação. Ele estrelou o filme "Meu Tio Matou um Cara", dirigido por Jorge Furtado e com Lázaro Ramos no elenco, em 2004. Na TV, fez participações em novelas da TV Globo, como "Sete Pecados", "Caminho das Índias" e "Tempos Modernos". "Cidades dos Homens" voltou a ter novas temporadas em 2018, e Darlan também retornou à série.

Estreia na música

Após se consagrar no cinema e na televisão nacional, Darlan mudou o visual, adotando dreadlocks e tatuagens, e lançou seu primeiro single, "Motivação".

A música foi divulgada há cerca de um ano, mas ainda não há mais informações sobre videoclipe ou álbum. Splash tentou contato com Darlan Cunha, mas ele não quis comentar sobre o reality e nem dar entrevista.

Após eliminação de Luciano, quem é o participante preferido do 'BBB 22'?

Enquete encerrada

Total de 19336 votos
16,68%
Reprodução/Instagram @bbb
12,93%
Reprodução/Instagram @bbb
10,74%
Reprodução/Instagram @bbb
9,15%
Reprodução/Playplus
8,29%
Reprodução/Instagram @bbb
8,11%
Reprodução/Instagram @bbb
5,95%
Reprodução/Instagram @bbb
5,47%
Reprodução/Instagram @bbb
5,37%
Reprodução/Instagram @bbb
3,62%
Reprodução/Instagram @bbb
2,64%
Reprodução/Instagram @bbb
2,32%
Reprodução/Instagram @bbb
1,64%
Reprodução/Instagram @bbb
1,47%
Reprodução/Instagram @bbb
1,45%
Reprodução/Instagram @bbb
1,41%
Reprodução/Instagram @bbb
0,98%
Reprodução/Instagram @bbb
0,91%
Reprodução/Instagram @bbb
0,86%
Reprodução/Instagram @bbb
Total de 19336 votos
A votação do UOL não possui caráter cientifico ou influência sobre o resultado do programa da TV Globo