PUBLICIDADE
Topo

João Kléber analisa Huck: 'Não é fácil tirar marca de 30 anos do Domingão'

De Splash

16/09/2021 20h59

Com mais de 30 anos de carreira, João Kleber entende um bocado de TV aberta. Em entrevista ao vivo no "OtaLab" de hoje, o apresentador analisou as mudanças que aconteceram recentemente na Globo. No papo com Otaviano Costa, ele deu um pitaco sobre o desafio que Luciano Huck tem de substituir Faustão, no "Domingão".

O pessoal estava muito acostumado com o Fausto e com a irreverência dele, que é um cara que dispensa comentários. Não é fácil tirar a marca de 30 anos do 'Domingão', mas o Luciano está muito bem. Ele vai conquistando um outro público.

jk - Reprodução - Reprodução
João Kleber é um dos convidados de Otaviano Costa no "OtaLab" desta semana
Imagem: Reprodução

Para o apresentador do "João Kleber Show", da RedeTV!, o sucesso de Huck no domingo é apenas uma questão de tempo.

O tom dele para o domingo é diferente do que era o do Fausto, mas isso é uma questão de adaptação. O Luciano é um cara muito inteligente e vai segurar essa onda na boa.

Mion aos sábados na Globo

O apresentador também falou sobre a chegada de Marcos Mion à Globo para comandar o "Caldeirão", antigo programa de Huck.

Ele está muito à vontade e acho que foi uma grande sacada da emissora.

Chacrinha

João estreou na TV Globo na década de 1980, substituindo ninguém menos que Abelardo Barbosa, o Chacrinha. "Foi uma escola incrível", descreveu o apresentador, sobre a parceria com o Velho Guerreiro. Atualmente na Rede TV, João brincou com Otaviano quando perguntado se voltaria para a maior emissora do país: "Para, para! Faz um merchan aí que depois eu te respondo".

E mais

Além de João Kleber, Otaviano recebeu Papatinho no "OtaLab" de hoje. O produtor musical abriu o jogo e contou alguns "causos" de bastidores da cena. Papato arrancou boas risadas de Ota ao contar do dia em que conheceu o rapper Snoop Dogg, nos Estados Unidos: "A diária do estúdio virou uma festa".

Você pode assistir a toda a programação do Canal UOL aqui.