PUBLICIDADE
Topo

Ted Lasso, ladrão, roubou meu coração

Como resistir ao bigode de Ted Lasso (à esq, ao lado do Treinador Barba e de Nathan)?
Como resistir ao bigode de Ted Lasso (à esq, ao lado do Treinador Barba e de Nathan)?
Divulgação

Liv Brandão

De Splash, em São Paulo

24/07/2021 04h00

"Ted Lasso" voltou para a segunda temporada bem mais hypada que sua estreia, há quase um ano. De lá para cá, a pequenina série do AppleTV+ estrelada por um Jason Sudeikis de bigode abocanhou um Globo de Ouro e está indicada a 20 Emmys.

Mas "Ted Lasso" é bem mais que o (mais que merecido) reconhecimento na temporada de prêmios.

É a série capaz de unir todas as tribos, como foi o "Norvana"

(Como diria o poeta Dinho Ouro Preto).

Continua depois da publicidade

"Ted Lasso" também não é uma série sobre futebol, embora o velho esporte bretão jogado com os pés sirva de pano de fundo, com o fictício AFC Richmond. Não à toa, pouco a pouco a série vem arrebanhando uma legião de fãs, mesmo aqueles que não ligam tanto assim para futebol.

A trama acompanha a contratação e o (pífio) desempenho do técnico de um time azarão do futebol americano que é convocado a comandar um time decadente da Premier League, agora na segunda divisão graças à trapalhada de uma megera vingativa (que mostra ter um enorme coração).

Baseada num comercial de TV super produzido, "Ted Lasso" é a série perfeita para os tempos em que vivemos. Muito mais sobre a vida que apenas sobre futebol, a trama passeia por temas como bullying, superação, otimismo, fé, esperança, respeito, vida, morte.

Continua depois da publicidade

Profunda, sem ser chata, trata até de saúde mental

Essa daí é a Doutora Sharon, psicóloga que vai auxiliar o time, em "bloqueio" (ou com sérias questões de saúde metal).

Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Parece denso, né? Mas essa sitcom de 30 minutinhos semanais te entrega esse pacote todo da forma mais leve, divertida e esperta possível. De forma totalmente irreal também, mas quem se importa com a verossimilhança quando a vida real se apresenta tão dura?

Assinada por Bill Lawrence (de "Scrubs") e o próprio Sudeikis, a série voltou oferecendo boas piadas, momentos emocionantes, referências mil e ótimas atuações. Muitos sentimentos em apenas meia hora. Tá valendo, né?

Tudo encabeçado pelo típico idiota motivado vivido por Sukeidis —que segue firme na missão de te cativar sendo o idiota motivado mais carismático do mundo.

Um brinde a 'Ted Lasso'!

Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL