Topo
OPINIÃO

BBB: Tadeu Schmidt fez diferença ao abordar transfobia com Linn da Quebrada

exclusivo para assinantes
Aline Ramos

Colunista do UOL

24/01/2022 00h28

No programa ao vivo deste domingo (23), Tadeu Schmidt aproveitou o contato com os participantes do Big Brother Brasil para ter uma conversa séria. Desde que Linn da Quebrada entrou na casa do BBB 22, ela tem tido a sua identidade de gênero desrespeitada. Por isso, o apresentador pediu para a cantora explicar por que tatuou a palavra "ELA" em seu rosto.

A abordagem suave e assertiva de Tadeu Schmidt chamou a atenção. Transfobia e identidade de gênero não são assuntos tão simples, mas foram tratados de maneira acessível e descomplicada. E o mais importante de tudo, a informação foi transmitida a todos, dentro e fora da casa, de modo a facilitar a compreensão e o respeito à Linn.

Certamente, a experiência como jornalista e apresentador de um programa como o Fantástico faz toda a diferença no momento. Acostumado a tratar de temas diversos, dos divertidos aos sérios, Tadeu teve o jogo de cintura necessário para lidar com o tema.

A rapidez com que se tocou no assunto também é uma novidade para o público. Em outras edições do BBB, temas igualmente sensíveis e delicados também surgiram, mas só foram abordados após muita pressão do público, sobretudo pelas redes sociais. Desta vez, foi diferente, só não sabemos se por interferência do apresentador ou não.

Após ter dificuldade para manter a ordem e o silêncio dos participantes no início do programa, Tadeu soube se impor e fechou a primeira semana na apresentação do BBB 22 mostrando que tem potencial e que a sua presença pode ser fundamental para o desenrolar da edição.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

BBB: Tadeu Schmidt fez diferença ao abordar transfobia com Linn da Quebrada - UOL

Obs: Link e título da página são enviados automaticamente ao UOL


Aline Ramos