PUBLICIDADE
Topo

Visitar pubs históricos e ganhar por isso? Condado oferece vaga dos sonhos

The Adam and Eve Tavern, em Lindum Road, um tradicional pub inglês de 1701 - Travellinglight/Getty Images
The Adam and Eve Tavern, em Lindum Road, um tradicional pub inglês de 1701 Imagem: Travellinglight/Getty Images

De Nossa

29/04/2021 10h16

Parece até brincadeira, mas visitar pub no Reino Unido é coisa séria e pode render R$ 215 mil por ano. É esse o valor que o condado de Lincolnshire, ao leste da Inglaterra, está oferecendo para quem topar a missão.

"Promover e celebrar" pubs e ter "uma boa compreensão do papel social e econômico dos bares" está entre as habilidades desejáveis para o cargo, mas gostar de beber chope e cerveja não é o suficiente.

A ideia é que a pessoa pesquise e registre informações da região com bares históricos instalados ao longo de um trecho de 80 quilômetros, que vai da costa da cidade de Grimsby a Boston (não nos EUA!).

Por isso, é essencial ter um diploma em um assunto relacionado — como arqueologia, história, conservação de edifícios e gestão de patrimônio — ou experiência equivalente.

Ye Olde White Horse - em Spalding, Lincolnshire, Reino Unido - Mark Williamson/	Getty Images - Mark Williamson/	Getty Images
Ye Olde White Horse: pub do século 16, conhecido por seu telhado de palha, em Spalding, Lincolnshire
Imagem: Mark Williamson/ Getty Images

Aquele que for selecionado para ser "oficial de projetos de patrimônio" terá que inspirar e entusiasmar diferentes tipos de público, incluindo pessoas que podem não se envolver tradicionalmente com o patrimônio.

O salário poderá ir de 25.991 a 28.672 libras, o equivalente a R$ 194 a R$ 215 mil. Entre os benefícios estão pensão e transporte para o trabalho, além de pacotes de desconto nas demais atividades.

Lincoln, Lincolnshire, Reino Unido - Andrea Pucci/Getty Images - Andrea Pucci/Getty Images
Lincoln, Lincolnshire, Reino Unido
Imagem: Andrea Pucci/Getty Images

Projeto-piloto

A abertura da vaga acompanha a nova iniciativa chamada "Inns on the Edge".

Financiado pelo Historic England, órgão público do Governo Britânico, o projeto-piloto tem o objetivo de melhorar os registros ambientais históricos locais, aumentar a conscientização em relação à ameaça do fechamento de bares e ajudar o setor de hospitalidade a se recuperar da pandemia.

Saiba mais sobre a vaga aqui.