PUBLICIDADE
Topo

Designer transforma e colore a casa da avó com jardim, piscina e pergolado

Danilo Jovê transformou casa antiga em um lar com cores vibrantes e repleto de plantas - Arquivo Pessoal
Danilo Jovê transformou casa antiga em um lar com cores vibrantes e repleto de plantas Imagem: Arquivo Pessoal

Carol Scolforo

Colaboração para Nossa

25/03/2021 04h00

Aos 50 anos, esta casa em Campo Grande (Mato Grosso do Sul), esbanja boas histórias. É onde Flora Jovê Cesar, de 84 anos, criou seus filhos e viu seus netos crescerem. Um deles, o inquieto designer Danilo Jovê Cesar Gonzalez, 32, escreve um novo capítulo ali.

Por ser mais afastada da cidade, em alguns momentos a família precisou se mudar. Mas sempre voltava. Aos poucos, a casa se transformava com tantos movimentos. Ganhava novas cores, moradores e algumas despedidas também. Numa época construiu-se até uma edícula nos fundos do pomar para acolher melhor os parentes.

Os anos passaram e parte da família foi embora. Ficaram a avó e o neto. E como você já sabe que Danilo é inquieto, em 2018, ele percebeu que os espaços mereciam novos ares. "Minha avó nunca se preocupou muito com criar uma casa bonita. Em certo momento vi que parecia um cortiço, cheio de quartinhos", ri.

A casa já mudou tanto que sempre brinco: se um dia tiver uma escavação, vão encontrar vários períodos históricos nessas paredes."

Danilo e a avó, Flora  - Arquivo Pessoal - Arquivo Pessoal
Danilo e a avó, Flora
Imagem: Arquivo Pessoal

Sem recursos, ele começou a obra sozinho e a contragosto da avó. "Mexia um pouco, pintava as paredes. Mas via que precisava de algo mais. Essa casa tem o tamanho dos nossos sonhos, abriga tudo o que a gente quer fazer."

Danilo é daqueles que arregaçam as mangas para retirar telhado antigo, luta com cupins e derruba paredes sozinho — embora não recomende isso aos leigos. "A gente acaba se conhecendo muito, vendo do que é capaz." É uma residência energizada mesmo, afinal, agora, no perfil @danilojove começa a surgir um público interessado nas mudanças e no belo efeito visual.

Marreta a postos

Jardim com a piscina da casa - Arquivo Pessoal - Arquivo Pessoal
Jardim com a piscina da casa
Imagem: Arquivo Pessoal

Foram quatro longos meses na derrubada da varanda e da edícula, que renderam um belo quintal com piscina, jardim de cactos e espaço gourmet. "Reaproveitei tijolos que estão agora na área gourmet e no canteiro", conta.

No meio da pandemia, dona Flora, que estava desanimada, viu na piscina uma distração e um refresco. "Ela conta, toda feliz, que com 84 anos conseguiu ter uma piscina", orgulha-se Danilo. Durante o processo do jardim, ele ganhou uma coleção de cactos que pertenciam ao falecido artista Isaac Oliveira. "Acho muito legal as histórias de valor emocional que surgem aqui", diz, emocionado.

Piscina - Arquivo Pessoal - Arquivo Pessoal
Piscina
Imagem: Arquivo Pessoal
Área gourmet - Arquivo Pessoal - Arquivo Pessoal
Área gourmet
Imagem: Arquivo Pessoal

Cores como antídoto

Parede rosa deu outra cara para o quintal da casa - Arquivo Pessoal - Arquivo Pessoal
Parede rosa deu outra cara para o quintal da casa
Imagem: Arquivo Pessoal

Na parede da piscina, o rosa forte, no melhor estilo do arquiteto espanhol Barragán, contrasta com o verde das 2.200 plantas — mais de 300 delas em vasos. "Muita gente surtou durante a pandemia. Não senti isso por causa da natureza que temos em casa."

Nos ambientes internos, agora dona Flora tem um closet. Por ali, os gatos Lady, Mia, Sofia, Nick e Harry vivem posando felizes em meio às mudanças. Mais uma acaba de acontecer: o pergolado com rede, pintado de azul e laranja, é o fôlego para enfrentar o novo isolamento.

Essa casa sempre foi um lugar cheio de histórias, mas hoje tem mais personalidade. Por ser longe da cidade, muita gente não queria visitar. Agora tem muita gente curiosa querendo ir. Tomara que depois seja um refúgio para todos. Nunca quis tanto ficar em casa."

Pet da família em meio a decoração com plantas e cores - Arquivo Pessoal - Arquivo Pessoal
Pet da família em meio a decoração com plantas e cores
Imagem: Arquivo Pessoal

Dicas de Danilo para encontrar a personalidade da sua casa

Pet da família em meio a decoração com plantas e cores - Arquivo Pessoa - Arquivo Pessoa
Plantas transitam entre os ambientes externos e internos
Imagem: Arquivo Pessoa
Decoração traz cor e vida para ambiente mais neutros - Arquivo Pessoal - Arquivo Pessoal
Decoração traz cor e vida para ambiente mais neutros
Imagem: Arquivo Pessoal

  • Conheça sua identidade. "É preciso saber do que você gosta para refletir isso nas cores, nos móveis e em tudo o que entra e sai dela. Lembre-se que a casa é mutável. Não gostou da cor, pode repintar, mudar. Tentativa e erro é algo normal nesses processos."
  • Quer plantas? Interesse-se por elas. "Já matei várias plantas, mas temos que ser persistentes e entendê-las, buscar perceber o que deu errado. As plantas se comunicam, as folhas amarelam, elas ficam murchas e você deve pesquisar para saber o que fazer."
  • Piscina. "Saiba que não é fácil e nem barato fazer. Mas é legal, é um espaço social e que me trouxe vários benefícios, como conforto térmico, já que refresca bem a casa. Para limpar você precisa ter um motor e cuidar com cloro, fazer a manutenção direitinho, é bom lembrar disso."
  • Não basta plantar. Danilo indica decorar as plantas - isso mesmo que você leu. "Para dar destaque à nossa goiabeira, coloquei lâmpadas e várias orquídeas. Nos vasos de plantas, coloquei forração, escolhendo a planta certa em relação à rega que se adequa à espécie principal, para dar uma relação de equilíbrio às duas."
  • Paciência. "Um jardim não fica pronto de uma hora pra outra. Tenha em mente que vai demorar, e quando terminar surgirão outras coisas a fazer nele. Mas não tenha pressa e não faça tudo de uma vez, curta esse processo."
  • Pesquise. "Aproveite a internet para pesquisar bastante antes de sair comprando. Já me dei muito bem simplesmente por pesquisar. Assista também tutoriais que ajudam a baratear processos. Só não indico fazer sozinho em casa nada que envolva eletricidade ou retirada de telhas. Chame um profissional", ri.

@s que me inspiram

@stephanidemczuk

Essa amiga me inspirou a usar mais as cores. Lembro que um dia fui na casa dela e vi tantas cores e pensei “socorro, minha casa é toda branca, preciso pintar”.

@___duundich__

Adoro como a Melanie usa cores, texturas e diversos elementos para compor a casa dela. Uma grande inspiração.