PUBLICIDADE
Topo

Aeroporto de La Palma cancela voos pela nuvem de cinzas do vulcão

Membro da Unidade de Emergência Militar Espanhola monitorando o fluxo de lava produzido pelo vulcão Cumbre Vieja, em La Palma - LUISMI ORTIZ/AFP
Membro da Unidade de Emergência Militar Espanhola monitorando o fluxo de lava produzido pelo vulcão Cumbre Vieja, em La Palma Imagem: LUISMI ORTIZ/AFP

16/10/2021 12h05

A nuvem de cinzas do vulcão Cumbre Vieja de La Palma obrigou, neste sábado (16), a cancelar a maioria dos voos previstos no aeroporto dessa ilha espanhola, que por enquanto continua aberto, enquanto a erupção iniciada há quase um mês não dá sinais de recuo.

Após suspender seus voos de manhã, a companhia aérea Binter comunicou que "a evolução da nuvem de cinzas procedente da erupção vulcânica de La Palma obriga a manter a pausa temporária dos voos com a ilha até a manhã de domingo", em um comunicado publicado em seu site.

No entanto, a administradora dos aeroportos espanhóis AENA mantém o aeroporto de La Palma funcionando, segundo fontes da companhia, embora 30 dos 34 voos previstos para sábado tenham sido cancelados.

Não é a primeira vez que as conexões aéreas com essa ilha do arquipélago atlântico das Canárias são afetadas desde que o Cumbre Vieja entrou em erupção no domingo de 19 de setembro.

Além dos cancelamentos, o aeroporto de La Palma precisou fechar completamente duas vezes pelas condições complicadas.