PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Mesmo em formato diferente, Internacional tem campanha melhor que no ano do título na Sul-Americana

Esporte News Mundo (redacao@esportenewsmundo.com.br)

18/05/2022 07h00

Mesmo com formato da competição diferente, o Internacional vem apresentando um desempenho muito satisfatório, se comparado ao ano do título da Sul-americana, em 2008. Naquela edição, o torneio era disputado desde o início em mata-mata. Já neste ano, há uma primeira fase de grupos, para somente depois passar ao modelo antigo.

Para efeitos de comparação, naquele edição, nos cinco primeiros jogos o Internacional teve quatro empates e uma vitória. Foram dois empates contra o Grêmio na segunda fase, pelos placares de 1 a 1 e 2 a 2. Novas igualdades contra o Universidad Católica, por 1 a 1, no Chile e 0 a 0 em Porto Alegre, pelas oitavas de final. E, já nas, quartas, venceu a primeira, contra o Boca Juniors, por 2 a 0.

Já nesta edição, o Internacional obteve nos seus primeiros cinco jogos, 3 empates e 2 vitórias. Destas, ambos triunfos contra o adversário considerado mais perigoso do seu grupo, o Independiente Medellín. Fora de casa, pelo placar de 1 a 0, e no Beira-Rio, por 2 a 0. Já as igualdades foram duas vezes diante do Guaireña, do Paraguai, e uma diante do 9 de Octubre, do Equador.

Para saber tudo sobre o Internacional, siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

No ano do título, todavia, o total de jogos colorado foi de 10 jogos, enquanto em 2022 poderá chegar em 13 partidas. Isso deve-se, principalmente, em virtude do sistema de classificação. Naquela edição, os times brasileiros já entravam direto na segunda fase e o torneio era todo em mata-mata. Já neste ano o Internacional precisou entrar na fase de grupos e, ainda, nas oitavas-de-final, haverá o encontro com times eliminados na Libertadores da América.

A comparação, com o ano de 2008, ainda mostra Internacional teve um caminho mais complicado nos primeiros quatro jogos. Avançou contra o Grêmio, em um dos maiores clássicos do Brasil e do Mundo, passou diante da Universidade Católica, tradicional time do Chile, e ainda bateu o Boca Juniors, um dos maiores times do continente. Nas semifinais e final, ainda, superou Chivas Guadalajara, do México, e Estudiantes, da Argentina, conquistando o troféu até então inédito, pelo qual briga pelo bi agora.

Futebol