PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Liverpool vence Crystal Palace e segue sonhando com o título da Premier League

Esporte News Mundo (redacao@esportenewsmundo.com.br)

23/01/2022 12h56

Neste domingo (23), o Liverpool visitou o Crystal Palace, pela 23ª rodada da Premier League, e venceu por 3×1. Édouard marcou para os donos da casa, enquanto Van Dijk, Chamberlain e Fabinho marcaram para os Reds.

O resultado mantém o Liverpool vivo na corrida pelo título: nove pontos atrás do líder City, os Reds ainda tem um jogo a menos e tem o confronto direto com o time de Manchester. O Crystal Palace segue estacionado na 13ª colocação.

PRIMEIRO TEMPO

O jogo começou com o Liverpool muito superior, pressionando o Palace e, logo de cara, exigindo boa defesa do goleiro Guaita, em chute de Firmino.

E o gol não demorou para sair: aos 8 minutos, cobrança de escanteio de Robertson, encontrando a cabeça de Van Dijk, que mandou para o fundo do gol.

O Liverpool manteve o controle do jogo, mas o Crystal Palace conseguiu dar uma escapada e criou perigo com Édouard exigindo boa defesa de Alisson, mas o bandeira já tinha marcado impedimento.

Depois disso, o Liverpool voltou a ter controle total, não deixando o Palace criar nada.

E, aos 31 minutos, após uma troca de passes que começou no meio campo, Robertson recebeu, cruzou para Chamberlain, livre, dominar e chutar cruzado, marcando o segundo dos Reds!

Mas o Palace, que não conseguia criar nada dos próprios pés, recebeu uma ajuda do Liverpool. Na saída errada dos Reds, Olise carregou e cruzou para Gallagher, mas o meia não conseguiu dominar e o Alisson ficou com ela.

E o Liverpool parecia querer ajudar o Palace mesmo: pouco depois, Matip errou o passe, jogando ela no pé de Olise, que driblou Van Dijk e chutou, mas Alisson fez uma defesaça de pé esquerdo.

No lance seguinte, foi Firmino que perdeu a bola no meio campe para Olise, que enfiou para Mateta, que driblou o Alisson e, sem ângulo, chutou para fora.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

SEGUNDO TEMPO

A segunda etapa começou já animada, com Olise recebendo, invadindo a área, fazendo a finta e cruzando para Gallagher cabecear, mas ele mandou à direita do gol dos Reds.

Pouco depois, quase um golaço do Palace: Édouard escora de cabeça para Mateta, pressionado, finalizou de calcanhar, mas Alisson estava ligado e fez a defesa sem problemas.

O Liverpool conseguiu retomar a posse de bola e criar uma chance de perigo, mas Henderson chutou para fora.

Porém, o Palace seguiu pressionando e marcou: aos 9 minutos, Schlupp enfiou uma bola espetacular para Mateta que, na cara do Alisson, rolou de lado para Édouard empurrar para o gol vazio.

Dois minutos depois, Andersen pegou o rebote e arriscou de fora da área, levando muito perigo.

O ritmo do jogo caiu um pouco, diminuíram as grandes chances, mas aos 37 minutos, veio a grande chance do empate para o Palace: Olise recebeu, percebeu Alisson adiantado, chutou por cobertura, mas o goleiro brasileiro conseguiu voltar e dar um tapinha na bola para evitar o gol.

Mas, aos 40, veio o lance polêmico: Jota tentou driblar Guaita, se chocou com o goleiro e foi ao chão. Após uma longa revisão no VAR, o árbitro apontou pênalti para os Reds. Na cobrança, Fabinho deslocou o goleiro e marcou o gol da vitória do Liverpool.

SEQUÊNCIA

Os dois times voltam a jogar só em fevereiro, pela quarta fase da Copa da Inglaterra. O Palace joga no dia 5 (sábado), contra o Hartlepool United, da quarta divisão. Já o Liverpool, no dia 6 (domingo), recebe o Cardiff City, que disputa a segunda divisão.

Futebol