Topo

Esporte


Autuori pede demissão do Atlético Nacional após goleada do Flu

24/05/2019 12h01

Medellín (Colômbia), 24 mai (EFE).- O Atlético Nacional anunciou nesta sexta-feira que o técnico Paulo Autuori renunciou ao cargo após a derrota por 4 a 1 para o Fluminense na quinta-feira, no Maracanã, na partida de ida da segunda fase da Copa Sul-Americana.

"O Atlético Nacional informa que o professor Paulo Autuori renunciou ao seu cargo como treinador da equipe profissional", informou o clube colombiano em comunicado.

Alejandro Restrepo e Nicolás Herazo, que comandavam o time sub-20, substituirão Autuori na equipe principal, que no próximo domingo enfrentará o Deportivo Cali pelo Campeonato Colombiano.

Autuori, de 62 anos, chegou ao Atlético Nacional em novembro de 2018 atraído por um "projeto interessante" que envolvia as divisões de base e com a intenção de desenvolver um trabalho de "alto nível" após contratar o experiente argentino Hernán Barcos, ex-atacante de Palmeiras, Grêmio e Cruzeiro.

A rápida passagem de seis meses pelo clube colombiano somou 29 partidas, com um balanço de dez vitórias, dez empates e nove derrotas, entre elas a goleada sofrida para o Flu.

O técnico brasileiro já tinha colocado o cargo à disposição do clube no último domingo, após a derrota por 3 a 1 para o Deportivo Cali no estádio Atanasio Girardot, onde dias atrás também perdeu por 2 a 1 para o Tolima.

Esses resultados complicaram a meta da equipe de se classificar para a final do Torneio Apertura no quadrangular do grupo B, no qual ocupa a última posição.

Além da irregularidade no principal campeonato nacional, o Atlético Nacional foi eliminado na terceira fase preliminar da Taça Libertadores pelo Libertad. EFE

Mais Esporte