PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Chelsea, Napoli e Valencia vencem como visitantes e ficam perto das oitavas

14/02/2019 20h27

Redação Central, 14 fev (EFE).- A segunda faixa de jogos de ida da fase de 16 avos de final da Liga Europa, disputados a partir das 18h (de Brasília) desta quinta-feira, foi marcada pelos bons resultados obtidos por equipes visitantes, com destaque para os triunfos de Chelsea, Napoli e Valencia em território inimigo.

Os 'Blues', que faturaram o título do torneio em 2013, foram à Suécia enfrentar o Malmö e venceram por 2 a 1, marcando um gol em cada tempo. Aos 30 minutos da etapa inicial, Pedro cruzou da direita, Barkley apareceu entre dois marcadores e completou para a rede.

Depois do intervalo, aos 13, Willian foi ao fundo pela direita e rolou para trás para que Giroud aumentasse. Na parte final do jogo, aos 35, Rosenberg lançou e Christiansen descontou para os donos da casa, mas a reação parou por aí.

Na luta pelo bicampeonato, a equipe londrina poderá até perder por 1 a 0 na volta, daqui a uma semana, em Stamford Bridge para se classificar. O Malmö dependerá de um triunfo por qualquer outro placar, sendo que o de 2 a 1 levará a eliminatória para a prorrogação.

A partida no Stadion teve a participação de quatro brasileiros, todos eles titulares do Chelsea: o zagueiro David Luiz, os meias Willian e Jorginho e o lateral Emerson Palmieri, os dois últimos naturalizados italianos.

Melhor ainda foi o resultado obtido pelo Napoli, que derrotou o Zürich por 3 a 1 na Suíça. Os 'Azzurri' abriram 2 a 0 no primeiro tempo, graças aos gols de Insigne e Callejón. Zielinski assinalou o terceiro na segunda etapa, e Kololli, de pênalti, fez o de honra do time anfitrião.

O meio-campo do time comandado por Carlo Ancelotti teve mais uma vez o volante Allan, mas já não contou com o meia Hamsik. Jogador com mais gols e mais partidas com a camisa do Napoli, o eslovaco se transferiu para o Dalian Yifang, da primeira divisão chinesa.

Já o Valencia, com o goleiro Neto, mas desfalcado do zagueiro Gabriel Paulista, foi a Glasgow e bateu o Celtic por 2 a 0. O destaque da partida foi o meia russo Cheryshev, que marcou o primeiro gol e deu o passe para que Rubén Sobrino assinalasse o segundo.

O Villarreal foi mais "econômico", mas também venceu no campo do adversário. Pedraza balançou a rede logo aos três minutos de bola rolando e garantiu a vitória do 'Submarino Amarelo' sobre o Sporting por 1 a 0 no estádio José Alvalade.

Meia-atacante Raphinha apareceu na formação inicial dos 'Leões', enquanto o volante Wendel e o atacante Luiz Phellype reforçaram os donos da casa na etapa final.

Em Kharkiv, o Shakhtar Donetsk esteve atrás no placar duas vezes, mas empatou com o Eintracht Frankfurt em 2 a 2 graças a dois gols de brasileiros, Marlos, naturalizado ucraniano, e Taison. Os compatriotas Ismaily, Alan Patrick e Júnior Moraes também atuaram pelo time mandante, ambos como titulares.

Os únicos mandantes a terem vencido nos duelos iniciados às 18h foram o Club Brugge, que contou com um gol do brasileiro Wesley para bater o Red Bull Salzburg por 2 a 1 na Bélgica, e o Viktoria Plzen, que derrotou o Dínamo de Zagreb pelo mesmo placar na República Tcheca. EFE

Esporte