PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Tsonga deixa treino mais cedo, mas não preocupa França para final da Davis

20/11/2018 16h42

Redação Central, 20 nov (EFE).- A equipe da França levou um susto nesta terça-feira quando Jo-Wilfried Tsonga, escolhido pelo capitão Yannick Noah para disputar a final da Copa Davis de tênis contra a Croácia, em Lille, se retirou do treino antes do previsto.

Porém, pouco depois, o treinador do time, Loic Courteau, tranquilizou a todos ao dizer que o atual número 259 do mundo estava bem e que não havia motivo para se alarmar.

Segundo Courteau, Tsonga abreviou a atividade para depois retornar ao estádio Pierre Mauroy, sede do confronto decisivo, para fazer atividades de fortalecimento físico.

"Jo está bem. A semana passada foi bastante dura. O ombro estava um pouco oxidado, não queríamos correr riscos porque ele vinha forçando-o nos últimos dias. Não há nada para nos preocuparmos. Jo não tem problema algum", comentou Courteau.

Tsonga interrompeu o treino depois de uma hora. Voltou dez minutos depois para sacar algumas vezes, mas parou novamente, visivelmente preocupado com o ombro.

Menos de uma hora depois, o ex-número 5 do circuito retornou à quadra mais uma vez, agora sem raquete, com o preparador físico Xavier Moreau.

"O objetivo é não correr riscos. O principal é que ele conseguiu fazer a semana completa. O fato de que hoje tenha jogado apenas uma hora não significa que algo irá mudar para a sexta-feira. Ainda não sabemos quem vai jogar", admitiu Courteau.

Esporte