PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Hazard volta a brilhar, mas Liverpool arranca empate contra o Chelsea

29/09/2018 16h59

Londres, 29 set (EFE).- Apenas três dias depois de ter sido determinante para eliminar o Liverpool na fase de 16 avos da Copa da Liga no Anfield Road, o meia Hazard voltou a se destacar contra o atual vice-campeão europeu neste sábado, desta vez em Stamford Bridge pelo Campeonato Inglês, mas os 'Reds' arrancaram o empate em 1 a 1, e ambas as equipes continuam invictas na competição.

No meio de semana, o belga saiu do banco para marcar um lindo gol e determinar a vitória dos 'Blues' por 2 a 1 de virada na casa do adversário. Hoje, ele voltou às redes, mas não foi suficiente para garantir o triunfo.

O Liverpool iniciou a sétima rodada como líder isolado do Inglês e único concorrente com 100% de aproveitamento. Entretanto, com o resultado obtido em Londres, caiu para a segunda posição, com os mesmos 19 pontos do Manchester City, mas leva a pior no saldo de gols. O Chelsea vem logo atrás, em terceiro, com 17.

Os visitantes começaram melhores e com mais "fome" que o adversário, mas errava na pontaria. Mané e Salah, que faz um começo de temporada abaixo da anterior, perderam boas oportunidades finalizando para fora.

O time londrino incomodava nas saídas rápidas para o ataque e poderia ter marcado o primeiro aos 21, quando David Luiz fez ótimo lançamento para Willian, mas Alisson saiu bem do gol e evitou o segundo. Quatro minutos depois, Hazard disparou livre pela esquerda e acertou um chute cruzado com força para superar o goleiro brasileiro, que até encostou na bola, mas não evitou que ela entrasse.

O Liverpool poderia ter empatado aos 31, mas Rüdiger salvou. Salah ganhou da defesa na corrida, driblou o goleiro Kepa e chutou, mas o zagueiro alemão cortou em cima da linha.

Depois do intervalo, os 'Blues' exerceram certa pressão na parte inicial, e Hazard quase marcou o segundo. Em jogada parecida à do gol, ele acelerou pela esquerda e ficou cara a cara, mas desta vez Alisson abafou e fez linda defesa.

Aos poucos, porém, os visitantes foram ganhando terreno em busca do empate, que quase veio aos 24. Shaqiri, que substituíra Salah instantes antes, foi acionado na área em cruzamento por baixo e pegou de primeira, mas errou o alvo. Logo em seguida, aos 26, Firmino ia marcando de cabeça, mas David Luiz salvou em cima da linha.

De tanto insistirem, os 'Reds' conseguiram a igualdade com um golaço. Aos 43 minutos, Sturridge, outro que começou no banco, teve liberdade na meia esquerda e acertou uma finalização na gaveta, sem chances para Kepa.

Quem se beneficiou do resultado na capital foi o City, que cumpriu o favoritismo contra o Brighton no Etihad Stadium. Sterling e Agüero fizeram um gol cada e selaram o triunfo do time dirigido por Josep Guardiola.

Guardiola escalou os brasileiros Ederson e Fernandinho entre os titulares e substituiu Agüero por Gabriel Jesus no decorrer do jogo. O outro brasileiro do elenco, o lateral Danilo, permaneceu no banco durante os 90 minutos.

Com Lucas Moura entre os titulares mais uma vez, o Tottenham foi ao John Smith's Stadium e assumiu a quarta posição, com 15 pontos, ao derrotar o Huddersfield por 2 a 0. Harry Kane, artilheiro da última Copa do Mundo, foi às redes duas vezes.

O time londrino foi beneficiado pela vitória de um rival, o Arsenal, que bateu o Watford, antigo quarto colocado e agora sexto, com 13 pontos. Os 'Gunners' subiram para quinto, também com 15, graças ao triunfo por 2 a 0, obtido nos minutos finais com gols de Cathcart, contra, e Özil.

Eliminado pelo Derby County, da segunda divisão, na Copa da Liga, o Manchester United deu sequência ao mau momento ao perder para o West Ham por 3 a 1 no Estádio Olímpico de Londres. O primeiro gol dos 'Hammers' foi marcado por Felipe Anderson com uma finalização de letra.

Esporte