Hulk diz que Mourinho abriu as portas do Tottenham antes de retorno ao futebol brasileiro

Um dos maiores ídolos da história recente do Atlético-MG, o atacante Hulk foi alvo de uma tentadora proposta feita por José Mourinho quando ainda estava no futebol chinês. O treinador português entrou em contato com o jogador oferecendo a oportunidade de defender o Tottenham, da Inglaterra, em 2020.

Foi o próprio centroavante que revelou esse fato em uma entrevista à GaloTV. Com quatro temporadas no Shangai SIPG, o camisa 7 atleticano contou que também recebeu convites da Turquia e de Portugal, além da ligação de Mourinho.

"Ele entrou em contato com o meu empresário para me levar para o Tottenham, mas aí eles viram que não tinha como eu jogar na Inglaterra", comentou Hulk durante a entrevista.

Jogar no campeonato mais valorizado da Europa até encheu os olhos do atleta. No entanto, algumas leis para estrangeiros inviabilizaram sua transferência. Para atuar na Inglaterra, Hulk teria de ter convocações em um curto espaço de tempo na seleção brasileira ou ter disputado recentemente uma das quatro ligas europeias (italiana, francesa, espanhola e alemã).

Sem nunca ter atuado em nenhuma dessas competições e fora das convocações da equipe nacional há alguns anos, ele não tinha os "pontos" suficientes para atuar em gramados ingleses. "Não podia jogar lá porque estava na China há quatro anos e meio", completou.

Ao fim do seu vínculo e disposto a retornar ao Brasil, Hulk assistiu a uma partida do Palmeiras e viu crescer a especulação sobre a sua vinda para o time paulista. No entanto, seu destino foi assinar com o Atlético-MG.

"Foi sem sombra de dúvida a melhor escolha e a melhor porta que Deus abriu para mim naquele momento. Estou muito feliz, realizado e espero somar muito aqui no Atlético-MG ainda", comentou o atacante.