Ten Hag diz que Antony não está à venda no United: 'Conheço suas habilidades e vou recuperá-lo'

Responsável por levar o brasileiro Antony ao Manchester United, o técnico Erik Ten Hag saiu em defesa do atacante nesta terça-feira, desmentindo que o clube esteja disposto a negociá-lo. O treinador garantiu que sua meta e recuperar o jogador, atualmente "encostado" na reserva do clube inglês.

A polêmica surgiu após o jornal Daily Mail noticiar que o United estava disposto a se livrar de Antony até pela metade dos 86 milhões de libras (aproximadamente R$ 543 milhões) investidos para tirá-lo do Ajax, da Holanda. O brasileiro foi a segunda maior contratação da história do time.

"Eu apoio o Antony há muito tempo. Conheço suas habilidades e vou recuperá-lo, vou apoiá-lo", afirmou o treinador nesta terça-feira. Ten Hag, contudo, vem usando pouco o jogador. No sábado, dia no qual o jogador completou 24 anos, o técnico o colocou em campo na derrota por 2 a 1 para o Fulham somente nos acréscimos, com um minuto para a partida terminar.

"Ele tem de esperar pela sua chance e, uma vez lá, precisa estar à altura", explicou Ten Hag, dizendo que sonha com a volta do Antony que se destacou no Ajax, também sob sua direção, o levando não somente para a maior liga do planeta, mas também à seleção brasileira.

"Sei pelo passado que ele é imparável, nenhum zagueiro pode pará-lo porque é um dos mais rápidos nas primeiras 10 metros", ressaltou. "Quando ele jogar esse jogo tenho certeza que vai ter um bom desempenho, pois é resiliente, um personagem", completou.

O Manchester United volta a jogar nesta quarta-feira, em duelo pelas oitavas de final da Copa da Inglaterra. O jogo será no City Ground, casa do Nottingham Forest, e mais uma vez Antony deve ficar como opção no banco de reservas. Mal no Inglês, o clube enxerga na competição a chance de erguer uma taça na temporada.R