Topo

Esporte


Patrício 'Pitbull' abre as portas para treinar com 'Barão': "Esquecer a galera da farra"

Ag. Fight

22/05/2019 14h02

Ex-campeão dos pesos-galos (61 kg) do UFC, Renan 'Barão' vive atualmente um momento delicado na organização. Com quatro derrotas consecutivas, o potiguar de 32 anos atravessa o pior momento da carreira profissional. E Patrício 'Pitbull', que se encontra em uma situação justamente oposta à do atleta do Ultimate, parece saber o que o seu conterrâneo deve fazer para voltar ao caminho das vitórias. Atual campeão dos penas (66 kg) e dos leves (70 kg) do Bellator, Pitbull aconselhou Barão a deixar a academia 'American Top Team' e voltar para a sua terra natal. No entanto, em entrevista ao canal no YouTube 'Portal do Vale Tudo', Patrício ressaltou que Renan deverá fazer algumas concessões ao voltar ao Brasil, como selecionar melhor as suas companhias e deixar a vida noturna de lado. "Ele (Renan Barão) está nos EUA, longe da família, dos amigos... Por outro lado, quando ele chega aqui em Natal, tem alguns amigos que tiram ele do foco. Ele gosta muito de festa e, infelizmente, a gente sabe que em festa você bebe e perde noite de sono e o foco do treino. Acho que ele tem que ficar perto da família e achar uma equipe bacana para treinar", destacou Patrício. "(Barão) tinha que vir para a 'Pitbull Brothers', para Natal, treinar comigo e com o meu irmão, esquecer um pouco a galera da farra, começar a andar com os atletas e botar o foco. Tem muito além disso para fazer não. Se o Barão der um ajuste no parafuso ali começa a devastar todo mundo de novo", completou o lutador do Bellator. Ao nocautear Michael Chandler no início deste mês, Pitbull conquistou o cinturão dos leves do Bellator. Com isso, ele acumulou o seu segundo título consecutivo, já que também é o atual campeão dos penas da organização. Aos 31 anos, Patrício soma um cartel profissional de 29 triunfos e quatro derrotas no MMA. Já Barão, perdeu o cinturão dos galos do UFC em 2014 ao ser nocauteado por TJ Dillashaw. Depois disso, ele somou apenas uma vitória nos seis confrontos que fez pela organização. Ao logo da carreira profissional no MMA, Renan detém, até o momento, um retrospecto de 34 resultados positivos, oito negativos e um 'no contest'.

Mais Esporte