PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Com 'informações de bastidores', Ortiz critica preparação de Liddell para luta

Ag. Fight

22/11/2018 08h00

Tito Ortiz parece estar certo de que Chuck Liddell escolheu o adversário errado para sair da aposentadoria. Em entrevista ao site 'MMA Junkie', o 'Huntington Beach Bad Boy' afirmou que seu rival na luta deste sábado (24) sequer tem feito sparring fortes na preparação para o confronto. Eles vão se enfrentar no primeiro evento de artes marciais mistas a ser promovido por Oscar De La Hoya em sua Golden Boy Promotions.

Ortiz afirma ter tais informações porque Liddell treina na academia de seu antigo parceiro de wrestling, Antonio McKee. De acordo com o ex-lutador do UFC e do Bellator, Chuck foi inocente de acreditar que ele não teria informações privilegiadas de um oponente que se prepara no local em que Tito foi criado.

"Você não chega em minha cidade, morando em Huntington Beach, e acha que eu não vou saber tudo o que está acontecendo. Eu sei que eles não estão fazendo sparring fortes na academia. Eu os conheço. Eu conheço todos há muito tempo. Nasci e cresci em Huntington Beach. Chuck chega e vai para o meu lugar e acha que vai fazer jogos mentais comigo? Essa m**** não vai funcionar. Mas... Sábado à noite vamos ver quem é o melhor lutador", falou.

Os dois lutadores já se enfrentaram em duas oportunidades, em 2004 e 2006, ambas com vitórias do 'Iceman'. Ortiz, entretanto, disse que "é hora da redenção". Prevendo comemorar o triunfo do seu jeito característico - "Vou cavar a cova dele e enterrá-lo" -, Tito afirmou que Chuck só decidiu enfrentá-lo por estar em más condições financeiras.

"Foi ele que me desafiou. Eu estava aproveitando a aposentadoria. Acho que ele precisava de uma grande luta. Ele precisava fazer algum dinheiro, e a maneira que havia para que ele conseguisse isso era lutando comigo. É uma grande rivalidade. Tentamos entrar em contato com Dana, ele disse não ter interesse nenhum. E eu entendo o modelo de negócio dele. Ele quer talentos mais novos."

Tito tem 43 anos e não luta profissionalmente desde janeiro de 2017, quando finalizou Chael Sonnen no Bellator. Liddell, por sua vez, está há mais de oito anos aposentado. A última apresentação do 'Iceman' foi em 2010, quando perdeu para Rich Franklin por nocaute, naquele que era a sua terceira derrota consecutiva e a quinta em seis lutas.

Esporte