PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Vítima de violência doméstica, lutadora do UFC é retirada de duelo contra VanZant

Ag. Fight

20/11/2018 10h41

A empresa que agencia a carreira de Rachael Ostovich confirmou que a lutadora do UFC sofreu uma fratura do osso orbital - estrutura que circunda os olhos - e que, assim, está fora do duelo contra Paige VanZant. A Suckerpunch Entertainment não mencionou (veja abaixo ou clique aqui) o caso de violência doméstica, mas a Polícia de Honolulu, no estado americano do Havaí, já havia confirmado a situação à imprensa.

A corporação informou ao site 'MMA Fighting' que investiga um caso de agressão envolvendo "uma mulher de 27 anos, vítima, e um homem de 27 anos, suspeito". Segundo a porta-voz da polícia, os dois estavam discutindo antes do ataque começar. "A vítima sofreu lesões na cabeça e foi tratada em um hospital", declarou.

Embora o Departamento de Polícia não tenha revelado os nomes dos envolvidos, o 'MMA Fighting' publicou que se tratam, sim, de Rachael e de seu marido, o também lutador Arnold Berdon. O americano tem, de fato, a idade mencionada pela porta-voz da corporação e fez seu último combate em junho, pelo Titan FC, ao vencer Jeremias Fernandez por decisão unânime. Ele não foi preso pelas agressões que teria cometido.

Ortovich tinha compromisso marcado contra Paige VanZant, no dia 19 de janeiro, no card que marca a estreia da 'ESPN' como parceira do UFC nos Estados Unidos. A peso-mosca (57 kg) revelada no TUF 26 tem quatro vitórias e quatro derrotas na carreira.

Esporte